pimentãozada

Outro legume de verão que precisa ter um pouco de criatividade para usar é o pimentão. Eu recebo muitos pimentões, verdes, vermelhos e amarelos na cesta orgânica, mas este ano fiz a besteira de plantar dois pés no meu quintal, então passei o verão inundada por pimentões que ainda tenho na geladeira.
Os pimentões vermelhos e amarelos eu grelho na churrasqueira ou tosto na chama do fogão. Vou virando até ele ficar todinho preto e embrulho numa folha de papel toalha ou coloco num saco de papel e deixo esfriar embrulhado. Depois de frio, desembrulho e vou tirando a pele preta com uma folha de papel toalha. Não precisa colocar embaixo da água. Tiro as sementes, corto em fatias e tempero com vinagre balsâmico, sal, pimenta do reino, azeite e ervas secas. Faz uma salada bem saborosa para comer com pão.
Já o pimentão verde eu ponho no molho pra cachorro-quente ou corto em fatias bem finas pra salada. Fora isso tenho apenas uma outra receita, que é da minha tia, irmã da minha mãe, uma autêntica cozinheira frugal que faz as melhores receitas italianas do planeta!
A receita:
Pimentão Recheado – da Tia Dirce
Fritar no azeite bastante alho picado. Adicionar miolo de pão amanhecido. Refogar até o pão ficar bem úmido. Deixar esfriar e adicionar azeitonas picadas [pode ser verde ou preta], uma latinha de aliche escorrido e picado e orégano à gosto. Tirar as sementes dos pimentões verdes, rechear com essa mistura e assar.
Fica muito bom!

5 comentários sobre “pimentãozada”

  1. Fer, eu nao sei nem te dizer como to adorando esse blog. que delicia…
    Uma boa ideia pros pimentoes vermelhos que estao sobrando, agora que o calor foi embora, e tosta-los e depois fazer uma sopa bem cremosa pra comer com sauer cream.
    Faco tambem uma massa com molho de tomate caseiro, italian sausage picada e pimentoes vermelhos tostados e cortados em fatias. Uma beleza.

  2. Leticia, eu creci comendo essas comidas, que eu achava que eram brasileiras.. 🙂 so fui caiu na real do quao italiana era a minha familia, qdo fiquei amiga de uma italiana de Potenza no Canada e descobri que comiamos as mesmas comidas, tinhamos as mesmas tradicoes na cozinha.
    Sam, eu ja vi pimentao roxo e as vezes recebo uns que nao tenho certeza se eh pimentao, mas tenho certeza que nao eh pimenta, que tem cores um pouco mais claras [verde claro e vermelho claro] e um gosto mais pungente, quase amargo. Nao sei o que fazer com eles.
    BeijoS!

  3. Fer,
    essa coisa de grelhar o pimentão até tostar, tirando a casca é a maneira de sentir o melhor do sabor do pimentão. Pouca gente faz, mas é mesmo uma delícia. O pimentão verde recheado minha mãe também fazia quando eu era criança. Eu adoro pimentão. Aí você encontra também o pimentão roxo? Eu já usei em salada uma vez.
    Bjs,
    Samu

  4. Eu não gosto de pimentão, mas gostaria de gostar, porque adoro as cores e o formato do pimentão cortado em fatias… Qualquer salada fica linda! Minha sogra faz muito assim, recheado, no verão. Ela usa o mesmo recheio pros tomates, pra berinjela e pras abobrinhas. Normalmente em vez de alici ela usa carne moída, bem pouquinha, e farinha de rosca em vez do pão amanhecido. Italiano adora farinha de rosca, vou te dizer. Eu adoro abobrinha recheada. Acho que adoro tanto abobrinha porque não tem gosto de nada… 😉 E esse recheio fica show. Mas ainda prefiro legumes grelhados. Abobrinha grelhada com bom azeite e salsinha é imbatíiiiiivel.

Deixe a sua pitada: