os ignorantes da web

Há muito tempo que queria escrever sobre esse assunto do roubo de imagens na web. Eu conversei até com a Elise do Simply Recipes sobre isso uma vez, porque acho completamente impossível garantir que as nossas fotos online não sejam surrupiadas por gatunos sem imaginação. Ela me garantiu que NÃO HÁ JEITO mesmo. A única esperança é confiar que as pessoas ajam decentemente e com ética, sem falar educação, quando estão fazendo uso dessa midia maravilhosa que é a internet. Mas isso é ser inocente demais, não? O que eu vejo por aí é um oportunismo sem limites, gentinha fazendo sucesso com os amigos usando imagens alheias. Eu já tenho essa idéia de que minhas fotos correm o mundo e acho bobagem colocar marquinha, porque gaiato que é gaiato não vai estar nem aí se a foto tem watermark ou não. Vão usar com a marca ou retirar numa boa. Muito de vez em quando, dou uma olhada nas estatisticas do meu servidor e vejo os mal educados que fazem hotlink nas minhas imagens—isto é, linkam direto do meu servidor, gastando a minha banda, o que já é considerado uma das maiores grosserias, além da tosquice de roubar foto alheia. Hoje achei duas e pedi para retirarem minhas fotos. Uma delas veio aqui no Chucrute e deixou um comentário GRITANDO, nem poderia esperar que ela se comportasse de outra maneira, não? Pois então, segunda a torpe que deixou nome e endereço, a minha foto estava LIVRE na web e ela só tira do blog dela se quiser! Tão boas santas? Linkando direto no meu servidor e dizendo que só tira se quiser? Além de tudo é ignorante. Bom, agora ela tem um X no lugar da foto, que é o que eu geralmente faço pra detonar os hotlinks quando tenho tempo. Estou brava, muito brava! E atônita! Não adianta ter acesso à computador, nem à internet se não tem a menor noção de como se comportar. Mas infelizmente isso é mais comum do que imaginamos.

35 comentários em “os ignorantes da web”

  1. Sorria Para a vida
    meu orkut é ramon lucenno mi add la ok genti…
    Braulio de Moraes
    Amiga…
    Se não sabe, eu sou como você…
    Eu me sinto como você, e não posso fugir dessa dura e cruel realidade.
    Eu lhe digo isso, porque todos nós temos falhas e erros incalculáveis.
    Quando nós não temos como corrigir o que fizemos sem consciência da conseqüência, saímos a procura de alguma coisa para substituir o que perdemos, e quando realmente achamos, nos intimidamos pela falta de coragem de nos abrir para quem tanto admiramos… gostamos e amamos de verdade.
    Eu sou como você, porque as vezes não sinto vontade de fazer nada para mudar meu mundo.
    Eu não tenho prazer de voltar para casa como em outros tempos….
    Eu não sinto gosto de viver, por mais que lute contra esse estigma da dor… da angustia e do sofrimento.
    Se eu fosse lhe confessar sobre as lágrimas que derramei para entender a força do golpe do destino, lhe diria apenas que essas lágrimas daria para serem transformadas em grandes rios de lamentações… de punições… de incompreensão e injúrias.
    Das lágrimas que hoje deixei de derramar, restaram apenas a grande decadência e as doces lembranças de momentos de felicidade de um passado recente e bem vivo nas minhas memórias.
    Mesmo assim minha amiga… meu desejo… meu sonho.
    Mesmo assim, eu estou resistindo a tudo para poder tirar algumas lições, e aprender um pouco mais com minhas derrotas para dar o mínimo de felicidade para aqueles que não tiveram culpa de estar no meio de tanta desavença… no meio de tantos conflitos e no meio de uma guerra que não faz parte de seus mundos.
    Aprenda essa lição, e lute com todas suas forças por mais difícil que seja sua luta… suas guerras… sua situação ou sua vida.
    Faça como eu.
    Tente pelo menos esconder suas derrotas e sua tristeza, atrás da alegria de quem vem ao seu encontro com a melhor ou a pior intenção.
    Não se enfraqueça agora.
    Você precisa ser resistente e forte, pois, o pior já passou.
    Sorria… mesmo que tenha vontade de chorar… morrer ou de gritar a esmo nesse mundo de ninguém.
    Sorria minha amiga… sorria para a vida…

  2. A paz que o mundo precisa
    A violência eliminou
    Destruiu crianças inocentes,
    Jovens sonhadores,
    Separou famílias
    E só trouxe dor e revolta…
    É preciso eliminar a violência
    Não só das guerras,
    Mas também dos Corações.
    É uma cruel violência
    A falta da escola,
    O pobre não ter direito a moradia,
    A criança não ter sobrenome,
    A Saúde fazer adoecer
    E o salário ser de fome…
    O envio de mísseis sobre nações
    E a má distribuição de renda
    São diferentes formas da violência.
    Quem quer promover a Paz:
    Respeita o Próximo,
    Luta pela Igualdade,
    Perdoa ao que ofende
    E age com Solidariedade…
    A violência é eliminada
    Quando há Justiça para todos;
    Quando Deus está nos corações
    E a dignidade é restaurada.
    Vamos respeitar ao ser humano
    E agir com o Amor Restaurador
    Vamos eliminar as armas
    E em cada canto plantar uma flor…
    Eu quero a paz no mundo,
    Mas não a paz que vem da agressão
    E nem do silêncio da covardia.
    Quero a paz que vem dos corações,
    Que se entendem pelos laços do amor,
    Que gera vida e Fraternidade,
    Que une os que pensam diferente
    E que nos faz sermos tratado como gente….
    Trabalhando pela paz, penso que faremos um mundo melhor, com mais amor… eu e você…
    Tentemos pelo menos, cada um fazendo um pouco, no final, somando-se os esforços o mundo será um lugar bem melhor para deixarmos aos nossos filhos… vamos começar…
    Faça algo pela PAZ!!!

  3. Fer, vim aqui hoje depois de ter ido ao blog da Luna e estou cada vez mais assustada com essas barbaridades que estão fazendo com o roubo de imagens e textos dos blogs.
    Acho que sou muito inocente ou tonta, sei lá, mas entrei para esse mundo blogueiro com a intenção de aprender sobre culinária, conhecer o que as pessoas fazem em suas cozinhas e fazer amizades por aí. Mas a coisa é bem mais feia por parte de gente tosca e sem imaginação.
    Deixo aqui a minha indignação e solidariedade.
    Beijinhos!

  4. ai como tem gente sem noçao neste mundo ! ja tentei varios metodos para impedir roubos de foto, ate colocar nome do site no meio da foto, mas fica horrivel, entao resolvi relaxar, mas que chateia chateia e muito, mas se fizerem com foto do meu filho nem sei o que faço ! beijocas

  5. Fer, tenho que confessar que tambem uso( sem permissao sua) tuas fotos como fundo de tela! Nunca pensei em publicar nada, nem tenho blog, mas as vezes mando pra alguma amiga , avisando daonde tirei, so pra alegrar o dia delas!
    Voce tem um olho fantastico para fotos e um jeito de escrever adoravel!
    Prometo me comportar e nao pegar mais nenhuma, mas posso pegar a dos girassois , tipo assim de despedida?

  6. Nossa Fer, to horrorizada com esta história, agora até tô com medo que peguem minhas fotos, de amigas, de comida eu nem ligo, mas eu queria saber o que é este hotlink? Vc poderia me explicar, quero instalar no meu blog. Obrigada pela atenção.

  7. Fer, fiquei passada com a história! No encontro que tivemos em Campinas no último sábado estivemos discutindo sobre a falta de noção das pessoas em criar um blog, pegar as fotos de outras fontes sem citá-las (dando a entender a TODOS que são da pessoa que é a dona do blog), além de publicar as receitas que nem testa nem nada e tirar onda com isso…além disso, ficamos horrorizadas com casos de blogueiras que também foram afrontadas em posts de desocupados virtuais. Já sofri com duas pessoas sem noção total que deixaram recados malcriados no meu, dá vontade de mandar para aquele lugar mesmo…mas acho que querem é atenção!
    Custa dizer de onde é a fonte? Custa dizer que pegou a foto de fulano? Custa ter um pouco mais de decência?
    Encher a paciência do outro de graça para mim é falta do que fazer…tantas coisas boas para se fazer por aí, tantas instituições e afins precisando de voluntários, não é mesmo?
    Um beijo e fique certa de que também estou brava, muito brava!
    Beijos.

  8. Marcia, muito obrigada pelo comentario e POR FAVOR nao se iniba, voce nao esta furtando nada! Escrevi esse texto pois estava muito brava com a cara de pau e a falta de
    educacao dessa criatura, que me afrontou, me xingando e se achando cheia da razao, qdo na verdade deveria ter colocado o rabinho por entre as pernas e ficado, no minimo, quieta. Ela me revelou um tipo de mentalidade assustadora, de gente que pensa que pode tudo, que quando questionada sai atirando pedras e usando um vocabulario xulo. Fiquei muito pasma com a agressividade e falta de carater. Mas nao tenho nada contra as pessoas curtirem as minhas fotos, pode ate publicar desde que que diga de onde tirou. Pra usar de fundo de tela eh uma honra. Nem imaginava que alguem fizesse isso e fiquei comovida.
    Um beijo para voce e para todos que se manifestaram aqui ou em pvt! 🙂
    **desde ontem a noite que acabou a festa do hotlink neste e nos meus outros blogs! 🙂

  9. Oi Fer! Leio o seu blog já faz um tempão e adoro seu estilo e sua sensibilidade. Eu já testei receitas suas mas gosto mesmo é de ler e ver todo o resto que vc posta. Já copiei algumas fotos para simplesmente guardá-las ou no máximo colocá-las como fundo de tela. Nunca as publicaria pois entendo que são profundamente você. Espero que vc me perdoe deste furto que não repetirei mais (embora saiba que morrerei de vontade). Bjs!

  10. Ah, que raiva!!! Entendo perfeitamente a sua “ira”. Eu tenho um blog de textos, pequenos contos (escritos no único e raro espaço de tempo que tenho só pra mim, enquanto minha filha dorme e a vizinhança descansa) e morro de medo que alguém, alguma alma nada elevada, decida copiá-los sem dar o devido crédito. Já conversei sobre isso com amigos de tão paranóica que estava e decidi correr o risco. Não divulgo muito e todo santo dia me pergunto se não devia fechá-lo. Por outro lado não acho justo que por causa de alguns infelizes eu não possa dividir meus textos com um punhado de amigos, conhecidos da internet e família.
    Falta decência e vergonha na cara!
    Beijo carinhoso.

  11. Tem também um site de culinária aqui que anda roubando foto de todas as blogueiras… e não dá crédito… nem pede para usar as fotos… Ah e ainda vende as apostilas com as receitas, que nem é ela que testa!!!! Imprimir as fotos com as receitas para usar em casa é compreensível. Agora o que está sendo feito por aí… Investimos nosso tempo, dinheiro na elaboração das receitas, na aquisição da câmera. Mitas pessoas montam um belo cenário, investem em utensílios e decoração para a foto… não são fotos tiradas do nada e merecemos pelo menos uma solicitação de uso…

  12. Nossa… que coisa horrível!
    Aconteceu assim tb com outra amiga em outro contesto mas pelo menos a pessoa teve a decencia de pedir desculpas e retirar do ar.
    É ruim pq tem gente que pega as fotos das artes alheias e finge que ela mesma faz o que lhe garante uma renda pq acaba vendendo algo com uma propaganda que nao é dela.
    É o fim, mas tb nao sei como resolver. é como eu digo: caiu na rede é peixe!
    bjks e fica bem

  13. Se ha algo que me deixa possessa eh isso de pegarem fotos (e receitas e artigos nossos tbem) e utilizarem sem a devida permissao….
    Voce tem toda a razao de estar brava Fer. Ja passei por isso e eh isso mesmo, fico brava, muito brava tbem!
    Poxa, como tem gente sem nocao nesse mundo. Custa pedir, citar a fonte po?!
    Ana

  14. Fer,
    Também já vi fotos minhas em outro blog, incluindo a receita e tudo que escrevi no meu post, sem sequer uma palavrinha sobre o “Umbigo no Fogão”. A pessoa copiou e colou com tudo.Realmente dá muita raiva.
    Não custa dar a fonte se vc utilizar as fotos alheias.
    Apoiadíssima!!!
    Bjs mil

  15. Caraca, Fer. Que bafafá, hein?
    Bom, me diz uma coisa: o jeito de colocar fotos no Cinefilia, como eu faço, tá legal ou não? Eu nunca faço link direto de lugar nenhum, sempre coloco as fotos no “nosso” servidor (ai, que nego foRgado que eu sou!). Tá certo assim?
    Mas… se eu não procurar as fotos dos filmes na web, nunca teria acesso ao Gary Cooper novinho ou à Bette Davis fazendo tricô etc e tal (se bem que a Bette Davis tricotando eu “scaniei” de um livro meu).
    Outro “pequeno” detalhe: suas fotos são MUUUUUITO BONITAS, Nega. Eu tenho vontade de copiar TODAS pra mim. Hehehehehe.
    Beijocas,

  16. Realmente eu ontem vi esse comentário no post anterior mas pensei que nem estava a perceber bem. Fezoca, acho muito bem que tenha escrito este post. Em primeiro lugar e tal como já referiram noutros comentários, não custa nada indicar a fonte de onde se tirou a imagem…Acredito que a Fer nem se importasse e seria até motivo de orgulho pois estariam a divulgar as suas fotos fantásticas. Acho que pouco custa e fica de todo mais ético para com o o fotógrafo. Depois, foi o comentário de todo desprositado. Porque não enviar um e-mail a pedir desculpas pelo esquecimento e perguntar se não haveria problema voltar a utilizar as suas fotos, mesmo que disponíveis na web? Tinha-se evitado imensa coisa como a irritação que imagino que deva estar a sentir devido à arrogância do comentário e a pessoa em causa escusava de estar a ler todos estes comentários depreciativos à sua atitude. Vamos ter calma, querida! Que é a única coisa que nos resta quando somos confrontados com situações completamente evitáveis se vivessemos num mundo melhor!
    Beijinhos grandes e continue a presentear-nos com as suas magníficas fotos. Eu admiro.

  17. Querida Fer,
    Ia te escrever um longo email, mas resolvih fazer meu homework. Fui la no WordPress, lih os Terms of Service e, como suspeitava, ela esta infringindo o termo # 2 e acho que tb o # 8 (I’m really tired, sorry).
    Denuncia amiga. Eu sei que voce sabe, mas discutir com besta nao rola..hehe.
    humpf.
    My work is killing me..mas esta tudo bem..:))
    bjs
    Bri

  18. Oi Fer,
    Lá no trabalho temos muito essa preocupação, pq tratamos com acervos digitais não só nossos, mas tb de outras instituições. Já ouvi de tudo: marca d’água, tinta invisível, carimbo… Mas não tem jeito mesmo, colocou na web, é filho no mundo…
    O que nós podemos fazer é disponibilizar as imagens sem qualidade de impressão, pq pixels eu acho que ainda não tem ninguém que saiba inserir em uma foto! Por enquanto!
    Quanto aos hotlinks, fiquei pensando se eu nunca fiz isso com algum site, não por malandragem, mas por burrice e desconhecimento, por não pensar na questão da banda alheia… De qq forma, é também mais seguro servir tudo que disponibilizamos, né?
    No trabalho, de novo, preferimos servir todos os elementos de uma página, mesmo tendo autorização para fazer um link direto, pq garantimos que o material estará sempre no ar…
    bjs

  19. essas fatos que acontecem com vocês que estão aí só para dar alegria aos nossos dias são imperdoáveis. Isso só vem reforçar o meu pensamento que Deus só precisou colocar o ser humano no mundo, nós mesmos, infelizmente é que fazemos mal à um outro ser humano que deveria ser igual . Não sei não , nós mesmos , nos destruímos.
    Porque não admirar, simplesmente?
    Precisa destruir ou incomodar?
    também quem é feliz fazendo tudo isso?
    sei não Pinel nessa turma toda.
    Desabafa Fer para não guardar porque reter essas maldades faz mal para você.
    Beijos e felicidades

  20. Fer eu acho que o uso/roubo de imagens é normal na Web, e se o uso nao é comercial, zuzo bem. Pior é povo que bota fota de lindas paisagens na Web e pra nao deixar roubar enfia uma watermark no meio da foto, diminui horrores a qualidade e bota um tamanho de foto 3X4, ou seja, ninguém aprecia a foto, melhor nao colocar nada…a minha filô é a seguinte o que eu nao quero que roubem nao coloco na internet. No seu caso as fotos de comida sao maravilhosas, deve estar cheio de povo roubando, agora grossura nao dah pra aguentar…O minimo é pedir desculpa e apagar a foto ! Beijocas.

  21. “Roubar”, eu sei que acontece. Porém, não vou facilitar as coisas, hohohoh. Hotlink, eu não permito mesmo e graças as funcionalidades de server pago, sempre que alguém faz hotlink não consegue ter a imagem onde quer! =D

  22. Oi Fernanda! Obrigada pela visita. Concordo com teus comentários e vou mais além – acho que seria mais gentil citar fonte (sempre faço isso, com o desejo de reciprocidade). Afinal dar crédito (a quem de direito) não tira o brilho do post. Que a web não tem limites, eu já sabia. O bom senso deveria prevalecer sempre. Beijos!

  23. q absurdo isto….tbm ja pensei sobre isto…e olha q minhas fotos são simples….imagina as tuas q são maravilhosas…. q falta de respeito, ética, educação e civilidade destas pessoas!

  24. Realmente é o fim , tenho casos assim também, que alias quando posto fotos que não são minhas coloco a fonte ou o elogio a pessoa e que não é nunca de blog e sim de site principalmente de outros paises, é um absurdo realmente nós fazemos passamos com carinho a receita tiramos a nossa fotinho e outras sem nada fazer copiam achando que entendem algo de cozinha de amizade , respeito e de amor pelo que nós temos pela cozinha.

  25. Fezoca, é realmente preciso ter muita lata e falta de educação…isso também já aconteceu comigo, usaram fotos do meu blog e colocaram no blog delas para parecer que a receita foi feita pela tal pessoa.Usam as fotos que não são delas para fazer figura bonita e ainda tem o desplante de deixar comentários foleiros do tipo, “tiro a foto do meu blog se quiser”, gentinha sem imaginação e sem caracter. Vivem num mundo de mentira, é esta à conclusão que chego!!!
    Beijos grandes

  26. deve ser insuportavelmente irritante mesmo,ainda mais as tuas fotos que são completamente pessoais e mostram o teu cotidiano,sem contar o roubo do trabalho e da imagem alheia, este problema esbarra na falta de educação total de algumas pessoas,na baita cara de pau também, este é o nosso mundo né,gente boa,gente sem educação, enfim, um cortiço…beijo !

Deixe uma resposta para bia Cancelar resposta