bolachinhas com gergelim [feitas com sobras de levain]

Com a minha rotina de fazer pão acabei com um pequeno estoque de levain descartado. No começo fiz muitas panquecas, umas que até lembravam as dosas indianas. Mas cansei de fazer panquecas e quis achar outras alternativas pra usar esse surplus. Achei essa receita de bolacha salgada, que tenho feito regularmente. Geralmente dobro a receita, pois tenho bastante sobras de levain. Elas ficam incrivelmente gostosas, pra mim elas tem até um leve sabor de queijo, que deve ser causado pela acidez do fermento natural.

150 gr de sobras de fermento natural [não refresque]
40 gr de farinha de arroz
55 gr de farinha de trigo [pode ser branca ou integral]
10 gr de sementes de gergelim preto
30 gr de azeite de oliva
6 gr de sal

Coloque todos os ingredientes numa tigela e misture bem com uma espátula. Sove até obter uma massa lisa e homogênea. Deixe repousar por uns 15 minutos e abra a massa com o rolo, entre duas folha de papel vegetal ou manteiga. Abra a massa numa espessura de uns 2 milímetros e corte em quadrados com um cortador de massas e fure com um garfo. Já fiz redondo também e às vezes esqueço de furar. De todos os jeitos dá certo. E quanto mais fininho abrir a massa, melhor, eles ficam mais crocantes. Deixe as bolachinhas descansando dentro do congelador ou geladeira enquanto o forno preaquece em 400°F/200°C. Coloque a forma no forno e asse por uns 15 minutos ou até as bolachinhas ficarem douradas. Retire do forno e deixe esfriar bem antes de colocar num recipiente fechado. Elas duram bastante tempo guardadas. Mas aqui em casa desaparecem mais rápido do que eu gostaria.

Eu fiz essas bolachinhas muitas vezes e tirava os quadradinhos da mesa com a ponta de uma faca pra colocar na forma, até que a minha amiga Brisa Carter me mostrou o “pulo do gato”. Abre a massa sobre o papel, corta e coloca tudo direto na forma, o papel com os quadradinhos cortados. Assa e quando remover do forno as bolachinhas estarão separadas naturalmente. Não precisa passar por essa trabalheira de transferir uma por uma.

2 comentários em “bolachinhas com gergelim [feitas com sobras de levain]”

Deixe a sua pitada: