erva doce romana

fennel-romano_1S.jpg

A erva doce é um legume incrivelmente interessante do qual eu gosto muito. Depois de experimentar uma de suas variações gratinadas, encontrei a receita possivelmente original e muito mais incrementada. Na última edição [abril] da revista Saveur, cheia de pratos típicos romanos, tirei essa receita da erva doce assada no leite que é difícil de acreditar o tanto que esse negócio fica delicioso. Sem fazer comentários, só abri a boca para comer, garfadas atrás de garfadas, depois de ainda muitas outras e mais garfadas.

fennel baked in milk [finocchio con latte al forno]
serve de 4 a 6 pessoas
3 bulbos de erva doce
4 xícaras de leite integral
4 colheres de sopa de manteiga sem sal
1colher de chá de sementes de erva doce esmigalhadas no pilão
Sal kosher ou marinho grosso e pimenta do reino a gosto
1 xícara de queijo parmesão ralado na hora

Pré-aqueça o forno em 475°F/ 250ºC. Lave e corte os bulbos de erva doce ao meio, depois em quartos. Numa panela coloque o leite, os bulbos e 2 colheres de sopa de manteiga. Cozinhe em fogo médio por 30-40 minutos, até a erva doce ficar bem macia. Adicione as sementes de erva doce e tempere com sal e pimenta do reino a gosto.

Transfira as ervas doces para um refratário. Jogue o leite reduzido da panela sobre as ervas doces, polvilhe com o queijo parmesão e espalhe as outras 2 colheres de sopa de manteiga em pedacinhos por cima. Leve ao forno for uns 20 minutos, ou até a mistura começar a borbulhar e gratinar. Sirva decorado com os galhinhos da erva doce se quiser.

5 comentários sobre “erva doce romana”

  1. Oi Fer,
    Adorei essa receita e vou experimenta-la com outras coisinhas, tipo cenoura, couve-flor, etc. As gelatinas viraram mania aqui em casa. Beijos e muito boa semana,
    Maria

  2. Ah…mas isto ai é bom demais!
    Achei interessante e vou anotar esta sua receita.
    Pq ha um bom tempo tb eu coloquei uma variaçao desta receita feita com o bechamel sobre as “barquinhas” de erva doce cruas, levadas ao forno para gratinar, salpicadas com parmigiano.
    Mas, creio, nao importa tanto a receita, quanto o resultado, que sera sempre bom!
    Bjs!

  3. Já estou anotando para testar!!!
    Experimentei a versão da Martha Stewart e gostei MUITO! Tenho certeza que esta eu vou ADORAR!
    Beijos

Deixe a sua pitada: