pasta de edamame

pasta_edamame_1S.jpgQuando me dá aquele faniquito clássico de usar todas os restinhos de outros dias e ingredientes pela metade ou quase no fim que entopem a minha geladeira, é um deus nos acuda e um saiam da minha frente!
Tive um desses peripaques e consegui fazer uso de muitas sobras já-te-vi, que transformei em novidades, entre eles essa pastinha de edamame. O potinho cheio de soja verde, já cozida e temperada com sal, estava me torturando com uma culpa horrivel toda vez que eu abria a geladeira e dava de cara com ele. Verti as edamames no processador, adicionei um punhado de folhas de manjericão fresco, uma quantidade razoável de iogurte grego que raspei até o fundo da embalagem, mais azeite e limão. Comemos a pastinha pura e com bolachinhas. Rango reciclado, transformado e melhorado—touché! E aquela culpa chata foi enviada via fedex, com um gole de vinho branco, diretamente pras cucuias.

5 comentários sobre “pasta de edamame”

  1. Fiquei curiosa com os crackers que voce serviu, parecem um pouco com os “Carr’s”, mas nao tenho certeza nao
    sao whole wheat?
    a pastinha ficou de dar agua na boca!
    R: Sally, são rice crackers, da marca Back to Nature.

Deixe a sua pitada: