26 no Tucos

tucos_208_14.jpg
tucos_208_1.jpg tucos_208_2.jpg
tucos_208_3.jpg tucos_208_4.jpg
tucos_208_5.jpg tucos_208_6.jpg
<tucos_208_7.jpg tucos_208_8.jpg
tucos_208_9.jpg tucos_208_11.jpg
tucos_208_12.jpg tucos_208_13.jpg

Não me lembro exatamente porque casamos no dia dois de janeiro. Acredito que era o único dia vago, pudera. E não queríamos esperar porque eu já estava no quinto mês de gravidez. Então até hoje, enquanto o povo em geral sossega o facho das comemorações no segundo dia do ano, nós ainda temos mais um regabofe pela frente. E a cada ano que passa, a necessidade de comemorar se intensifica, afinal tantos anos juntos não é pra qualquer um.
Escolhi o Tucos Cafe para celebramos o nosso ano vinte e seis. Foi uma escolha inteligente. Já estivemos lá outras vezes, para almoçar ou apenas beber sucos de frutas brasileiras. O proprietário Pru Mendez* é casado com uma portuguesa e já morou no Brasil. Além dos sucos naturais, o Tucos também oferece feijoada e uma deliciosa adaptação da receita de pão de queijo da minha cunhada Pat, que segundo o Pru é um sucesso entre os americanos. Ele conseguiu transformar um salgadinho super simples e popular numa verdadeira delicacy, fezendo uma adaptação dos queijos, adicionando pasta de trufas, com um resultado extremamente delicado. Feito na hora, o pão de queijo chega quentíssimo à mesa, derretendo na boca.
Desta vez pegamos o cardápio do jantar e tudo o que pedimos estava perfeito. O Tucos oferece uma carta de vinhos bem incomum, com opções de vinhos de vários cantos do mundo, todos exclusivos. Eu pedi um Sousao feito aqui na Califórnia, com um sabor bem apimentado. Provamos um prato de queijo da serra português, que veio com pães, amêndoas torradas, passas brancas e um azeite bem denso e perfumado. Depois eu pedi uma salada simples, com fatias de maçã e uma torrada com queijo de cabra temperado e morno. O prato do Uriel, de carpaccio de prosciutto com alcaparras e queijo grana, estava sublime. Eu acabei comendo umas boas fatias, pois a quantidade era suficiente para duas pessoas. De prato principal o Uriel foi de ravioli com molho de lagosta e eu comi um steak com purê de raizes e legumes refogados. A sobremesa nos frustou um pouco, mas deu pra perceber que era tudo feito a mão, até o sorvete, que a garçonete nos comunicou era feito por eles.
O Tucos está instalado numa casinha pequena e aconchegante em downtown, atrás da estação de trem. A comida é de excelente qualidade, orgânica, local, e o atendimento é um primor de atenção e delicadeza. Enquanto o Uriel pagava a conta, fui conversar com o Pru, quando ele me contou do sucesso do pão de queijo e da feijoada e me falou que procura sempre pelos melhores ingredientes. Apesar de fazer parte do movimento Slow Food e de apoiar ao máximo os produtores e negócios locais, ele disse não ser um radical nem um fanático, e não se importa de trazer um produto de outro lugar, se concluir que aquele é o melhor. A carne que eu comi, por exemplo, é grass fed importada do Uruguai. Ele disse que o Uruguai tem a melhor carne de gado alimentado da maneira tradicional, com grama. Não tive como discordar, pois o meu prato estava uma delícia.
* posando descontraídamente na última foto em companhia da notável e altamente colunável dona do chucrute.

30 thoughts on “26 no Tucos”

  1. Oi Fer, parabens pelos 26 de casados. Que voce e o Ariel continuem essa bonita jornada com muito amor. Felicidades!
    Depois de minha longa ausencia, aproveito pra tambem desejar um Feliz 2008.
    bjs

  2. Fezoca, muitos parabens e felicidades para este dia tão especial…26 anos!!!??? admiro mesmo os casais que conseguem chegar até essa etapa e muito mais…eu espero chegar lá também…espero, né!!!??? 🙂
    Desejo tudo de bom para voçês e que este dia se repita durante muitos e muitos anos!!!
    Beijos grandes!!

  3. Mariana, realmente parece estranho. Mas acontece que o critico nao quer de jeito nenhum que eu coloque foto dele no blog. Tenho que respeitar isso, neh? 😉
    Obrigada por todos os comentarios e beijos para TODOS!! 🙂

  4. Peraí, vc comemorou 26 anos de casada e foi tirar a foto com o dono do restaurante. Cadê o mais famoso crítico gastronômico desse blog?
    Ah, perdão, sempre leio seu blog e nunca me apresentei: Mariana Borges, ao seu dispor.

  5. Olá Fernanda! Parabéns! sou solteira mas acho bem bom quem é tão feliz junto! Fotos e texto maravilhosos!minha página inicial é o Chucrute, assim já sei de tudo na entrada…

  6. Fer, parabens pros dois. Voce esta certa, 26 anos nao e pra qualquer um. Voce ta lindona na foto, viu? Seu Uriel deve ter se apaixonado outra vez, e outra vez… Muitas felicidades pro casal. Beijos!

  7. muitos parabéns, 26 anos é obra… eu em Setembro deste ano faço metade desse valor: 13 anos.
    espero chegar também nos 26…lol
    e com essa boa disposição e alegria que você tem.

  8. Querida, parabéns!
    26 anos, meu Deus, será que chego lá?
    Em 2008 vou completar 12 anos de casada, falta pouco né?! 😉
    Que lugar mais aconchegante, estou aqui babando em cima das fotos.
    Ah! Meu irmão também se casou em uma data parecida com a tua :29/12,deste ano.
    Bjos, e que venham muitos outros anos por ai,
    Monica

  9. Catarina viu as fotos e gostou muito!
    Fausto viu as fotos e gostou muito muito mesmo!
    Nega, parabéns pelo aniversário de casamento. Esse ano a comemoração foi melhor, hein? O restaurante parece ser muito aconchegante e a comida deliciosa.
    beijos

  10. Muitos parabéns Fer, que continuem na companhia um do outo felizes para sempre.
    Gostei de ver as fotos, e claro de lêr o texto e ver referências ao meus pais.
    Beijocas grandes

  11. Congratulations!!:)) Ahh, e ADOREI as fotos:)) Muito obrigada:))
    Bjs
    Bri
    PS: Concordo com a Ana qto aos “ravings” e SABIA que ela ia curtir a sobremesa de manga..hehehe:))
    +bjs

  12. Meus mais sinceros Parabens Fer!!! Vinte e Seis anos tem mais mesmo que ser bem celebrado!!! Uau!
    A parte… eu adoro os restaurantes que tem ai perto da sua casa! Queria q tivessem uns assim aqui viu. Onde eu moro reinam os horroriveis restaurante de rede, comida congelada e warmed up, nem preciso citar nomes… fora os fast foods, argh… e o pior eh q tem gente que “rave” com a comida do olive garden….
    E por isso eu gosto de comer em casa, sorte q eu gosto de cozinhar!! hehe!
    Beijao!
    Ana

  13. Fer,muitas felicidades para ti e para Uriel, é uma benção poder completar tantos anos e o amor continuar intenso, também me coloco na lista das sortudas, em 2007 completei 40 de vida e 16 de um feliz casamento. Concordo com o Pru e coloco a carne argentina junto com a uruguaia no quesito ótima qualidade, não sou muito carnívora mas o sabor é indiscutível, no Uruguai se comem massas excelentes(um gosto e modo de fazer que só tem por aquelas bandas,difícil explicar..) e o doce de leite uruguaio é incomparável, sempre recebo “encomenda” da família de longe..beijo!

  14. Fer,
    Parabéns pelo aniversário de casamento! Desejo toda a felicidade para vocês e muito, muito amor sempre.
    Ah, hoje fiz seu bife com sal grosso e mostarda…meu marido amou…quem sabe assim não garanto meu 26º aniversário de casamento (sendo que ainda estou no ano 2)?
    🙂 🙂 🙂
    Bjs!

  15. Parabéns Fer!!! Realmente é uma data curiosa, eu não sei se aguentaria mais um rega-bofe depois deste fim de ano de comilanças. O nosso aniversário de casamento também é em janeiro, mas no dia 23 (também são três anos ainda, nada comparado a 26…). Adorei a descrição dos sucos de frutas brasileiras (you know guava, parece que está apresentando uma amiga, hehehehhe)
    Beijos e felicidades
    Lud

  16. querida, parabéns 🙂 que dure mais 260 😀
    depois passa no blog e responde uma pergunta que tou fazendo sobre dieta alimentar? sua opinião é super-importante pra nós 😀
    beijão!

Deixe a sua pitada: