project paso

Se você é um dos tradicionalistas da rolha, que acha que as dos vinhos têm que ser feitas de cortiça, vira os olhos pra lá ou fecha a página. Porque essa vinicola californiana não só substituiu a cortiça pelo plástico, como também aboliu o uso do saca-rolhas nessa linha de vinhos chamada de Project Paso. No website não tem nenhuma explicação do por que dessa inovação, mas posso testemunhar em favor da praticidade. É só puxar a ponta do zigzag de plástico e pleft—remover a rolha com a mão! Pra mim, que detesto abrir vinho com saca-rolha, foi uma revelação. Já o vinho, na minha escolha pelo Sauvignon Blanc, não arrasou Péris in chammas. Bebi uma parte e usei a outra parte para fazer risoto.

projeto-paso_1S.jpg
projeto-paso_2S.jpg projeto-paso_3S.jpg
projeto-paso_4S.jpg projeto-paso_4S.jpg

5 comentários em “project paso”

  1. o que ouvi numa vinícola chilena, é que com o aumento da produção de vinhos as rolhas não estão sendo suficientes, então estão tentando fazer substituições principalmente nos chamados “vinhos de mesa”, e usando rolhas apenas para os rótulos “premium”. como não entendo absolutamente nada, engoli a explicação e fui embora feliz. 🙂
    R: faz sentido, Luciana. 😉

  2. Bom dia, apesar de ler este blog há algum tempo, acho que é a primeira vez que vou comentar :).
    Sou fã da rolha de cortiça (apesar de ser menos prática) por um motivo muito simples: ecologia.
    Cortiça é um produto natural, sustentável, biodegradável e que não implica a destruição da árvore para poder ser obtido ou seja também é renovável. Já o plástico vem do petróleo, não há nada mais poluente, caro e limitado! Além disso uma rolha de cortiça é muito mais charmosa 😉
    Obrigada.
    R: Alexandra, obrigada por comentar! quanto ao plastico feito de petroleo, isso ja nao é mais regra, pois aqui esta ficando bem comum o plastico biodegradavel feito de plantas, especialmente o milho. abraco!

  3. Confesso, mea culpa: sou uma dessas chatas que esnoba vinho com rolha de plastico, embora soh beba vinho baratex, na maioria das vezes..heheeh..A pseudo conhecedora – e pobre..haha
    Beijos!!
    R: hahaha! bjo, Bri!

  4. Tampinha estilosa, conheço uma versão pobre e irritante que só abre se passar a faca na linha marcada. Prefiro vinhos com as tradicionais de cortiça e espero que meu velho e eficiente saca-rolhas, daqueles que levantam os bracinhos, demore muito a se aposentar.

  5. Muito legal essa rolha! Mais empresas podiam adotar. Segundo um amigo que tem uma vinicola a rolha de cortica ja nao serve pra nada, eles so continuam usando porque as pessoas tem preconceito se um vinho usa rolha de plastico ou outro material, acham que e um vinho de pior qualidade.

Deixe uma resposta para Luciana Bordallo Misura Cancelar resposta