salada de erva-doce, aspargos
e rabanetes

fennel-verjuice.jpg
Essa salada é do livro Plenty do Yotam Ottolenghi. Ela é feita com beterrabas assadas e como eu não tinha, troquei por rabanetes. E usei os aspargos crus ao invés de cozidos. Com tantos ingredientes primaveris, além de super refrescante e saborosa, essa receita me deu a oportunidade de usar mais um pouco daquele vidrão de verjuice.
4 rabanetes cortados em fatias finas
1/2 bulbo de erva doce cortado em fatias
2 aspargos cortados em fatias finas
1/4 xícara de sementes de girassol torradas
1 xícara de verjuice
1/4 de óleo de semente de uva
Sal e pimenta do reino moída na hora a gosto
Folhas frescas de endro [dill] para decorar
Coloque o verjuice numa panelinha e leve ao fogo. Deixe ferver, abaixe o fogo e deixe cozinhar até reduzir em um terço da quantidade. Enquanto isso coloque o bulbo de erva-doce, os rabanetes e aspargos numa travessa. Quando o verjuice estiver bem reduzido, remova do fogo e deixe esfriar completamente. Misture o óleo ao verjuice e tempere com sal e pimenta do reino moída. Tempere a salada com esse molho, salpique com as sementes de girassol, decore com as folhas de endro e sirva.

salada de rabanete
[com molho de curry & laranja]

rabanete-curry.jpg
O verão já disse adeus, mas as saladas ainda estão protagonizando almoços e jantares por aqui. Vi essa receita justamente no dia em que comprei um pacote de rabanetes no mercadinho da road 16. Gostei porque essa salada guarda bem e pudemos levar as sobras na nossa marmita pro almoço do dia seguinte.
1 xícara de suco de laranja
1 colher de sopa de azeite de oliva
1/2 colher de chá de curry em pó [*usei o thai curry]
2 xícaras de rabanetes lavados e grosseiramente picados
1 xícara de queijo feta esmigalhado
2 colheres de sopa de folhas de hortelã fresca
sal a gosto
Numa panela pequena coloque o suco de laranja para ferver e cozinhe por cerca de 20-25 minutos até que esteja reduzido a cerca de 1/4 de xícara. Tire do fogo. Misture o azeite e curry em pó. Adicione sal a gosto. Misture os rabanetes picados com o molho. Cubra com o queijo feta e hortelã picada. Sirva.

sopa fria de abacate
[com rabanete]

sopafria-abacate_1S.jpg

Depois daquele veludo púrpura de beterraba, essa foi a segunda receita que fiz da compilação de sopas frias publicada na Martha Stewart Living do mês de julho. Nós gostamos muito, mas eu acrescentei suco de limão e da próxima vez que fizer acho que vou colocar também um fio de azeite. Foi uma opção ultra refrescante no almoço de um dia em que enfrentamos os tórridos 40ºC.

2 abacates pequenos
3 rabanetes cortados em quatro para a sopa
1 1/2 xícara de folhas de manjericão fresco
3 xícaras de água gelada
Sal a gosto
Suco de 1 limão
3 rabanetes ralados para servir
Folhas de manjericão para decorar

Colocar tudo no liquidificador e bater bem. Colocar numa jarra e levar à geladeira. Na hora de servir coloque a sopa nos pratos e no meio de cada um punhado de rabanete ralado. Tempere com pimenta do reino moída na hora, decore com folhinhas de manjericão e sirva.

rabanete [roxo]

rabanete_roxo_1S.jpg

rabanete_roxo_2S.jpg

Quando vi esses rabanetes roxos na banquinha simpática de uma família no Farmers Market, pensei que estivesse tendo um embaçamento visual, pois eles estavam bem ao lado de um monte de beinjelas magrelas exatamente do mesmo tom. Perguntei pro moço—estou vendo certo, elas são realmente roxas? Sim, eram. Levei dois maços para casa. Adoro esses rabanetes diferentes: os coloridos, os psicodélicos, os hipnóticos, os rosa-chocantes. O rabanete roxo também ficou bonito, numa salada simples, regada com suco de limão, azeite e salpicada com sal, pimenta e bastante ciboulettes.

salad_rab-roxo_1S.jpg