tudo se transforma I

turkey_leftover.jpg

Seis quilos de peito de peru para seis pessoas foi um pouquinho demais, né? Agora samba, cabrocha, samba pra conseguir dar um fim nessa peruzada toda. É sobra que não acaba mais. Primeiro fiz o basicão sanduba com fatias de peru, fatias de tomate e queijo, tudo derretido e prensado na frigideira. Depois fiz esse recheio frio, que era uma receita muito antiga que eu fazia com frango desfiado. Pique bem picadinho:

Peito de peru
1 maçã verde
Várias fatias de picles de pepino
1 talo de salsão [aipo]
Bastante salsinha
Um punhado de azeitonas pretas

Tempere tudo com sal, pimentão, um fio de azeite, suco de limão e maionese, da melhor que tiver disponível. Misture bem e sirva com pão e folhas de alface. Com esses croissants fresquinhos o sanduba de peru ficou o fino da bossa.

o peru deste ano

peru_natal_20071.jpg
peru_natal_20072.jpg

Foi um dois melhores perus que eu já fiz. Precisei da ajuda da Marianne pra retirar os seis quilos do peito que estava mergulhado no vinha d’alho, rechear com o refogado de arroz selvagem com alho poró e ameixa, amarrar, cobrir com fatias de bacon e colocar na grade da assadeira. Ficou no forno a 365ºF/185º por quatro horas, na panela tampada. O peru era free range. A carne ficou úmida e saborosa. O único problema de comer peru é que depois dá um sonoooo….

o recheio do peru

recheio_peru.jpg

O peito desossado do peru está mergulhado numa marinada feita com alho, cebola, cebolinha, salsinha, sal e vinho branco. Na véspera do Natal ele será recheado, amarrado, coberto com fatias de bacon e estará pronto para ir ao forno por muitas horas. O recheio foi feito com bastante alho poró refogado no azeite, onde acrescentei arroz selvagem cozido, bastante ameixa seca picada, algumas cranberries secas, pêra fresca picada, lascas de amêndoa e tomilho fresco. Temperei com sal a gosto.