bolo de limão inteiro [com cobertura de azeite & iogurte]

meyerlemon-cake

Procurei muito por uma receita onde eu pudesse usar uns limões Meyers que estavam na portinha de estragarem. não posso, de jeito nenhum, perder nenhum desses limões, que eu geralmente ganho de amigos ou colegas. Coincidiu que achei essa receita e fiz o bolo na véspera do Valentine’s day, então levei para dividir com meus colegas de trabalho. Ele foi devorado com entusiasmo. Fui pegar uma fatia para guardar para um dos meus amigos que estava numa conferência e quando cheguei não tinha nem farelo. Não é muito fácil achar os limões Meyer fora da Califórnia, então use o limão siciliano, que vai ficar bom também.

para o bolo:
1/2 xícara [113 gr] de manteiga sem sal em temperatura ambiente
1 xícara de farinha de trigo
2 limões Meyer [ou outro limão como o Siciliano]
1/2 xícara de farinha de semolina
1/4 de colher de chá de sal marinho
1/4 de colher de chá de fermento em pó
1/8 colher de chá de bicarbonato de sódio
1/2 xícara de açúcar
2 ovos caipiras em temperatura ambiente
para o glacê:
1 xícara de açúcar de confeiteiro peneirado
1 colher de sopa de azeite
1 colher de sopa de iogurte grego
1 colher de chá de raspas da casca de limão
1 colher de chá de suco limão

Pré-aqueça o forno a 325ºF/ 162ºC. Unte uma forma com manteiga e polvilhe com açúcar. Reserve. Corte os limões em fatias e remova as sementes. Coloque os limões em um processador de alimentos e pulse até obter um purê. Deve dar cerca de 1 xícara de purê. Numa tigela pequena misture 1 xícara de farinha de trigo com a 1/2 xícara de semolina, o sal, o fermento em pó e o bicarbonato de sódio.

Bata a manteiga com o açúcar em velocidade média até formar um creme. Juntar os ovos, um de cada vez. Adicione o puré de limão e bata até combinar. Adicione a mistura de farinhas e bata até ficar uma massa homogênea. Despeje a massa na forma untada. Leve ao forno e asse por 40 – 45 minutos. Remover o bolo do forno, deixar esfriar e desenformar.

Para fazer o glacê, misture todos os ingredientes até ficar homogêneo. Despeje o glacê sobre o bolo frio e deixe descansar um pouco para absorver. Sirva.

meyer lemons meyer lemons

o inverno dos cítricos

Nosso inverno é iluminado pelas frutas cítricas. A natureza é muito sábia e nos oferece o que precisamos para enfrentar os percalços das estações. Sem os cítricos como iríamos sobreviver às gripes e resfriados? Passei uns dias doentes, bebendo infusões de limão cravo com mel. Ajudou muito! E adoramos fazer aquele clássico chá de limão com gengibre, que pode ser servido quente ou frio. Neste inverno eu praticamente ganhei quase todas as frutas cítricas que tenho consumido. Limões rosa, siciliano ou Meyer, laranjas, tangerinas, grapefruits e pomelos. Minhas vizinhas me presentearam com laranjas e mexericas, meus colegas de trabalho me inundaram com todos os outros tipo, incluindo um pomelo do tamanho de uma bola de futebol, que me rendeu um litro de polpa rosada e doce. Fora as laranjinhas kinkans e os limões que peguei no campus. Estou fazendo tanta receita com cítricos—gelatina com limão rosa, saladas de grapefruit, molhos pesto, cocktails, refiz esse curd com azeite usando os preciosos limões Meyer para presentear amigos no Valentine’s day. E bolos, de laranja, kinkans e limão. Fiz também os limões rosa preservados no sal. Ainda tenho ainda muitos cítricos para usar. Vou congelar o suco dos limões rosa, para poder usar quando essa estação ensolarada dos cítricos terminar.