bolinhos de milho e creme azedo

cornmealcupcake.JPG

Quando vi essa receita de cupcake no blog winosandfoodies.com resolvi guardá-la, pois gostei da misturinha de cornmeal, sour cream e Grand Marnier. Também me animei, porque iria poder gastar meu licor. Tonha da Lua que sou, comprei uma garrafa de Grand Marnier e uma semana depois esqueci que tinha comprado e comprei de novo. Então tenho duas garrafas e preciso usar – que venham receitas assim!
Como eu tinha um chá de bebê para ir e precisava levar um quitute, achei que esses cupcakes seriam perfeitos para a ocasião. Enrolei até quando pude, porque vocês sabem, não sou uma baker – asso pouquissimo e não sou muito boa com bolos, cookies. Mas respirei fundo, tomei coragem e mandei bala.
Primeiro problema logo no início: as medidas em gramas. Eu não tenho uma balança. Worry no more – não tenho balança, mas tenho um marido engenheiro, que foi calculando mais ou menos a densidade dos ingredientes e a sua respectiva medida em ounces. Esse processo dele medindo densidade me irritou profundamente e fez com que eu me atrapalhasse toda, errando na medida de sal e jogando os ingredientes na batedeira sem perceber que tinha que separar os secos dos molhados e depois juntar. Aaaaah, foi tudo numa gororoba só, misturei e coloquei nas forminhas. Assou e – MILAGREEEEE – ficaram bons! Tão bons que o “you-know-who” elogiou, os cupcakes sumiram na festa e a amiga grávida pediu pra ficar com os últimos. Iaruuuu, vitória, eu fiz cupcakes e eles ficaram gostosos!!
Sour Cream Cornmeal Mini Cakes
150 g [10 oz] de farinha de trigo
150 g [10 oz] de cornmeal
200g [ 8 oz] de açúcar
2 colheres de chá de fermento em pó
1/4 colher de chá de sal
3 ovos
360 g de sour cream
170 g [um tablete e meio] de manteiga sem sal derretida
1 colher de chá de vanilla paste * não tinha, não usei
1 colher de sopa de Grand Marnier
Aqueça o forno a 350ºF/180ºC.
Unte duas formas de 12 muffins [eu usei as forminhas de papel dentro das formas de muffin]
Misture a farinha, cornmeal, açúcar, fermento e sal. Bata os ovos. Junte o sour cream. Misture bem, Adicione os ovos batidos. Adicione a baunilha e o Grand Marnier. Bata bem. Jogue essa mistura na mistura de ingredientes secos. Misture bem e coloque colheradas da massa nas forminhas. Asse por 20 minutos, ou até os bolinhos ficarem dourados. Deixe esfriar numa grade e salpique com açúcar de confeiteiro.

Bandon Cranberry Bread

cranberrybread.JPG

Umas das receitas que me fisgaram no livro da Helen Brown foi esse pão de cranberries, que na verdade é um bolo. Bandon é o nome da cidade no Oregon considerada a Capital nacional do cranberry. A receita é facílima e o pão/bolo fica macio e picante, com as ácidas cranberries escondidas na massa.

1 xícara de cranberries frescas
1/2 xícara – 8 colheres de sopa de açúcar
1 ovo
2 colheres de sopa de manteiga derretida
2 colheres de chá de raspas de laranja
1 1/2 xícara de farinha de trigo
2 colheres de chá de fermento em pó
1/2 colher de chá de sal
1/2 xícara de leite
1/2 xícara de nozes picadas

Pique as cranberries e salpique com 3 colheres de sopa do açúcar. Bata o ovo, a manteiga, as 5 colheres restantes de açúcar e a casca de laranja. Acrescente as cranberries picadas. Junte a farinha que foi misturada com o fermento e o sal. Misture, acrescente o leite e misture bem, vigorosamente. Adicione as nozes picadas e coloque a massa numa forma de pão untada com manteiga. Asse um forno pré-aquecido em 350ºF/176ºF pou uma hora. Deixe esfriar e desenforme.

* pro meu gosto as nozes são perfeitamente dispensáveis.

bolo de milho com parmesão

O bolo salgado de milho foi uma aventura. Pesquisei inúmeras receitas de corn cake, mas eu queria uma que usasse o milho fresco e não só o cornmeal como são a maioria das receitas desse prato para acompanhar o chili. Finalmente achei uma que levava milho na edicão de novembro de 2000 da revista Bon Appétit. Adorei a idéia do corn cake with parmesan cheese, mas a receita era para fritar como panqueca, e levava uma quantidade pequena de milho. Eu tinha quatro espigas raladas. Decidi guardar metade do milho e arriscar nas minhas próprias medidas, e depois assar o bolo, invés de fritar às colheradas como mandava a receita. Mandei bala!

Misturei numa vasilha bem grande:
2 xícaras de grãos frescos de milho, ralados da espiga
1 xícara de corn meal – um fubá mais grossinho – talvez uma farinha de milho em flocos moída no processador fique com a mesma textura
1 xícara de farinha de trigo
1/2 xícara de queijo parmesão ralado bem fino
Sal e pimenta do reino a gosto
Mais ou menos 2 colheres de sopa de cebolinha verde picadinha – eu usei a chives
1 xícara de buttermilk
1 colher de sopa de fermento em pó

Misture tudo vigorosamente com uma colher de pau e coloque em forminhas de muffin untadas com manteiga – eu fiquei com preguiça e untei uma forma retangular de cerâmica. Asse em forno pré-aquecido em 350ºF/176ºC por mais ou menos uma hora. DEU CERTO!!!!!

bolo de sour cream

sourcreamcake.JPG

No livro Recipes from Old Virginia, publicado em 1946, procurei um bolo e achei que esse com sour cream iria ficar interessante. E ficou mesmo. Meu marido não consegue parar de comer!

3 ovos
1 1/2 xícara de açúcar
1/2 colher de chá de sal
1 1/2 colher de chá de fermento em pó
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 1/2 xícara de sour cream
2 1/2 xícaras de farinha de trigo

Bata os ovos muito bem. Acrescente o açúcar e continue batendo até ficar bem misturado. Acrescente o sour cream, bata até ficar incorporado. Separadamente peneire os ingredientes secos numa vasilha. Peneire mais uma vez os ingredientes secos já misturados na mistura de ovos, açúcar e sour cream. Bata bem. Coloque a massa numa forma redonda de 20cm e asse em forno pré-aquecido em 350ºF/176ºC. Asse por uns 20 minutos até ficar dourado. Deixe esfriar e desenforme.

Para acompanhar o bolo eu resolvi usar umas pêras que já estavam virando o Cabo da Boa Esperança. Fiz um caramelo com 1/2 xícara de açúcar mascavo. Tirei do fogo e acrescentei 1/2 xícara de leite, mexi bem, acrescentei duas pêras cortadas em cubinhos [sem a semente, mas deixei a casca] e recoloquei a panela no fogo. Deixei engrossar um pouco, acrescentei uma dose de Frangelico, licor de avelãs, tampei e deixei cozinhar mais uns minutos. Ficou um ótimo acompanhamento para o bolo branco. Hoje usei esse molho de pêras para adoçar o iogurte. É bem versátil.

cranberry upside-down cake

cranberrycake1.jpg
cranberrycake2.jpeg

Fiz essa receita no outono de 2003, quando me meti a assar bolos. Tirei da revista Every Day Food da MS. Como agora não é época de cranberry, mas é de blueberry, acho que essa substituição ficaria bem adequada. Mas também acho que dá para fazer com qualquer tipo de fruta, que tenha uma consistência mais firme.

8 colheres de sopa de manteiga sem sal na temperatura ambiente
1 xícara de açúcar
1/2 colher de chá de canela em pó
1/4 colher de chá de allspice
1 3/4 xícara de cranberries
1 ovo grande
1 colher de chá de extrato de baunilha
1 1/4 xícara de farinha de trigo
1 1/2 colheres de chá de fermento em pó
1/4 colher de chá de sal
1/2 xícara de leite

Pré-aqueca o forno em 350°F/ 180ºC com a grade no centro. Unte uma forma redonda de bolo de 8-inch/20 cm. Numa vasilha pequena misture 1/2 xícara de açúcar com a canela e o allspice. Espalhe essa mistura no fundo da forma untada, jogue as cranberries por cima.

Numa batedeira bata a manteiga com 1/2 xícara de açúcar até ficar bem cremoso. Adocione o ovo e a baunilha. Bata bem. Numa vasilha separada misture a farinha, o fermento e o sal. Adicione essa mistura de farinha ao creme de açúcar com a batedeira em velocidade baixa. Alterne farinha e leite, em três vezes e continue batendo até formar uma massa bem uniforme. Coloque a massa na forma, sobre as cranberries. Coloque a forma sobre uma assadeira lisa de assar biscoitos. Asse por 30 ou 35 minutos. Deixe esfriar numa grade por 20 minutos. Inverta a forma sobre um prato, assim a parte do bolo com caramelo e cranberries ficara por cima.

Bolo rápido de polenta com limão e tomilho

Estava com essa receita engatilhada desde que recebi a edição de setembro da revista Martha Stewart Living. De hoje não podia passar, então me meti a assar um bolo, mesmo estando meio cansada e pensando em ir logo pra cama ver filmes e [tentar] ler um pouquinho da minha pilha de livros. O título da receita em inglês diz pão, mas o resultado é um bolo bem compacto com uma textura bem leve e úmida. O sabor dominante é de limão e o cornmeal contribui com a crocância. Está difícil parar de comer!

bolopolentalimao.JPG

Polenta quick bread with lemon and thyme
3/4 xícara [1 1/2 tabletes] de manteiga sem sal amolecida
1/3 xícara de farinha de trigo
3/4 xícara de açúcar
1 colher de sopa de raspas de limão [amarelo]
2 colheres de sopa do suco de um limão [amarelo]
3 ovos grandes
1 colher de sopa da tomilho fresco
1 xícara de cornmeal [um fubá um pouco mais grosso – mas acho que fubá funciona bem]
1 colher de chá de fermento em pó
3/4 colher de chá de sal grosso
1/4 xícara de pine nuts [pinoles] tostados

Pré-aqueça o forno em 325ºF/165ºC. Unte buma forma de pão com manteiga e polvilhe com farinha de trigo. Na batedeira coloque a manteiga e o açücar e bata em velocidade média por 3 minutos, até formar um creme bem claro. Acrescente as raspas do limão e misture por mais um minuto. Vá adicionando os ovos um a um e batendo. Adicione o suco de limão e o tomilho. Adicione a farinha, o cornmeal, o fermento e o sal e misture bem. Coloque 2/3 das pine nuts. Coloque a massa na forma untada, salpique com o resto das pine nuts e asse por 50 minutos. Deixe esfriar numa grade.