shrub de tutti frutti

tutti-frutti-shrub
Quando meu filho viajou, ele deixou alguns ítens comestíveis na minha casa. Um deles foi um saco de frutas congeladas. Era um pacotão com morangos, manga, abacaxi. O pacote ficou no meu congelador por alguns meses, até eu achar que era hora de usar ou descartar. Não sou muito de fazer bebida com fruta, dessas tipo vitamina ou smoothie, no liquidificador. Então decido usar as frutas pra fazer um shrub. Já fiz vários shrubs com frutas congeladas, o último com blueberries, que ficou bem forte e delicioso. Como as frutas estavam misturadas e não dava pra separar, o shrub virou sabor tutti-frutti. Ficou não apenas lindo, mas muito gostoso. O pacote de frutas era enorme, fiz duas receitas e rendeu essas três garrafas. Vamos ter shrub até chegar o verão!
2 xícaras de frutas picadas em cubinhos
2 xícaras de vinagre de maçã [*usei um orgânico sem filtrar]
1 e 1/2 xícaras de açúcar
Num vidro grande com tampa misture as frutas e o vinagre. Tampe bem e agite vigorosamente por uns 10 segundos. Deixe em infusão por uma semana em temperatura ambiente, agitando diariamente por 10 segundos. Depois de uma semana coloque o açúcar numa jarra, coe o liquido do vidro para a jarra usando uma peneira coberta com uma camada de pano de queijo [gase]. Misture bem o açúcar ao liquido de vinagre usando um batedor de arame, para dissolver o açúcar o máximo possível. Com a ajuda de um funil despeje o vinagre em uma garrafa de vidro lavada com água fervendo. Leve a garrafa à geladeira por uma semana antes de usar, agitando diariamente até que o açúcar se dissolva completamente. Para servir coloque uma parte do vinagre em um copo com gelo e adicione quatro partes de água com gas.

kefir com laranja
[gengibre e cúrcuma]

kefir-orange.jpg

Fiz essa bebida tantas vezes, que já perdi as contas. Fica tão gostosa e refrescante. Geralmente levo pro trabalho, para beber no meio da manhã quando bate aquela fome e ainda tá muito cedo pra pensar em almoço. É só misturar o kefir com o suco de laranja [meio a meio ou um pouquinho mais de kefir do que de suco] ralar um pouquinho de raiz de gengibre fresco, outro pouquinho de raiz de cúrcuma fresca. Adicionar, mexer. Pode colocar gelo, ou não. Pode também fazer sem a cúrcuma fresca e trocar o kefir pelo iogurte. Eu não adoço, porque acho o suco de laranja doce o suficiente pra mim. Fica a seu critério.

bolinho de chocolate & cerveja

chocolate-muffins

Em março eu quis fazer uns bolinhos de chocolate com cerveja preta pra levar para os meus colegas de trabalho para o St Patrick’s Day. Mas como eu passei esse dia em treinamento no campus, acabei levando os bolinhos um pouco atrasada. Mandei uma mensagem para todos dizendo—Muffins in our library. They are not the healthy kind. They have a LOT of chocolate, plus eggs, flour, sugar, butter & beer. Enjoy! Muita gente respondeu dizendo coisas legais, especialmente pelo fato dos bolinhos levarem cerveja na massa. No final do dia, um colega que nem estava no prédio naquele dia me enviou um reply dizendo apenas—Love this message! Fiz duas receitas porque não queria que faltasse e no final sobrou. Mandei os bolinhos restantes para um amigo do meu marido e ele mandou dizer que os bolinhos não eram apenas deliciosos, mas eles tinham uma textura e umidade perfeitas. E nem contamos pra ele que tinha cerveja na massa.

faz 12 bolinhos
8 colheres de sopa [1 tablete] de manteiga sem sal, derretida e esfriada
1/2 xícara de cerveja escura tipo Guinness [*usei um stout de chocolate]
2 ovos caipiras
1 e 3/4 xícaras de farinha de trigo
3/4 xícara de açúcar
1/4 xícara de cacau em pó sem açúcar
1 colher de chá de fermento em pó
3/4 colher de chá de sal
1 e 1/4 xícaras gotas de chocolate

Pré-aqueça o forno a 375ºF/ 200ºC. Unte ou coloque forminhas de papel em 12 formas de muffins. Na batedeira armada com o acessório da pá, bata a manteiga, a cerveja e os ovos em velocidade média. Em velocidade baixa, adicione lentamente a farinha, o açúcar, o cacau em pó, o fermento e o sal, batendo até que os ingredientes secos ficarem bem incorporados. Junte as gotas de chocolate.

Divida a massa uniformemente entre as 12 forminhas. Decore com gotas de chocolate extra se quiser. Eu quis. Leve ao forno pré-aquecido e asse por 20 ou 25 minutos. Remova os bolinhos do forno e deixe esfriar por cerca de 10 minutos, remova das formas e deixe esfriar completamente antes de servir. Esses bolinhos sobrevivem bem por alguns dias, guardados em recipiente fechado e em temperatura ambiente.

smoothie verde [com matcha]

supergreenjuice
Não sou uma pessoa de fazer grandes sucos. Gosto de comer muitas frutas e de beber água e vinho. Mas de vez em quando algo assim liquido chama a minha atenção e geralmente é por causa de um ou de uma combinação interessante de ingredientes. Por isso me aventurei nessa bebida vitaminada, que é bem gostosa. Pode adoçar ou não. Eu fiz das duas maneiras. Também fiz sem e com o abacaxi. De todas as maneiras fica muito bom, pois o sabor predominante é o do matcha. E eu estou num momento de extrema simpatia com esse chá.
faz dois copos
1 banana congelada
1 xícara de pedaços de abacaxi congelados
1 xícara de folhas verdes [salsinha, espinafre, couve]
1 xícara de leite de amêndoas sem açúcar
2 colheres de sopa de manteiga de amêndoas
1 colher de chá de néctar de agave [opcional]
1 colher de chá de matcha—chá verde em pó
1/2 colher de chá de gengibre fresco ralado bem fino
No liquidificador coloque todos os ingrediente e bata bem até virar um creme nem muito denso, nem muito aguado. Sirva.
Roux

Pimm’s Sundowner

Pimm's Sundowner
De vez em quando eu gosto de misturar um cocktail para beber num sábado à noite, acho legal chacoalhar a coqueteleira, usar bebidas diferentes. Mas não sou muito fã dos destilados muito brutos ou das infusões amargas. Gosto de tolices leves feitas com sucos de frutas, como esse cocktail à base de Pimm’s. Ele deve ser eficazmente refrescante no verão, mas também me deixou muito feliz numa noite de inverno.
Você vai precisar de:
Um copo bem alto [highball]
50ml de Pimm’s No.1
25ml de suco de limão
25ml de suco de laranja
25ml de suco de maçã [o puro, de cor opaca]
Uma colher de chá de agave ou xarope de açúcar
Bastante gelo e uma fatia de laranja pra decorar
Encha o copo com cubos de gelo, adicione o Pimm’s. Adicione os sucos, o agave e sirva. 《《 t c h i n – t c h i n ! 》》

the white sangria

outono outono
outono outono

Essa receita aconteceu em setembro, quando ainda havia figos e nectarinas, antes da minha viagem de férias pro Brasil. Foi a bebida do final de semana, que foi bem quente. E me deixou aproveitar sobras de vinho branco. Aqui sempre sobra vinho porque eu sou a única que bebo. Mas dessa vez não sobrou nada. Fiz uma mistura no olhômetro, mais ou menos assim—bastante vinho branco, uma outra quantidade de suco de uva branca, uma lata de ginger ale, suco de um ou dois limões verdes espremidos na hora, duas nectarinas picadas em cubinhos minúsculos. Cubos de gelo nos copos e servir.

shake de abacate com coco

avocado-coconut1.jpg avocado-coconut2.jpg

Tenho a impressão que neste momento vivemos uma renascença do abacate, quando finalmente começam a aparecer receitas com essa fruta que não são uma das 87532 mil variações do guacamole. Nós, nativos da America do Sul, já estamos carecas de saber o quanto é bom uma vitamina de abacate. Mas aqui no norte isso ainda pode causar surpresa. Falo por mim, por experiência própria, não investiguei, não li papers científicos, não montei uma tabela com estatísticas. Mas como não ser arrebatado por uma delícia dessas? Essa receita é uma ótima variação da nossa velha conhecida vitamina, com a adição do sorvete de coco e do sal. Fiz e adorei!
faz duas porções
1 e 1/2 abacate pequeno [tipo hass] ou um grande
1 colher de sopa de suco de limão tahiti
1 xícara de sorvete de coco
3/4 a 1 xícaras de leite [ou um leite vegetal]
1/4 de colher de chá de flor de sal
Xarope de agave a gosto [*eu omiti]
Corte o abacate ao meio e retire o caroço. Coloque a polpa em um liquidificador. Adicione o suco de limão, o sorvete, o leite e 1/4 colher de chá de sal. Bata bem até ficar homogêneo. Prove, adicione mais sal ou adoçante e bata por alguns instantes. Divida em dois copos, polvilhe com uma pitada de sal, coloque um canudo em cada copo e sirva.