beauty is in the eye of the beholder

t-shirtgram.jpg

Já faz um tempo que estou querendo tocar neste assunto, já que está mais do que claro para os frequentadores desde blog que eu abandonei o uso das firolices fotográficas por aqui. A câmera está num canto, as lentes estão no mesmo canto e tudo o que eu fazia antes com relação à produção de imagens para publicar neste espaço eu não faço mais. O que eu faço agora é o que considero o mais viável para esta fase da minha vida em que o tempo anda escasso. Carrego aquela gadget multi-tasking super-poderosa faz-tudo comigo pra onde vou, o tempo todo. E é com ela que tiro fotos. Neste momento isso incluí absolutamente todas as fotos que aparecem por aqui. Se não fosse essa maravilhosa gadget combinada com o mais funcional aplicativo de manipulação de fotos, este blog já teria morrido à mingua. As fotinhas com filtro do tão criticado instagram foi o que me restou, porque eu simplesmente não tenho mais tempo para fazer mil cliques com câmera, trocar lentes, editar dezenas de imagens, escolher as melhores, eteceterá. Com a dupla iPhone-instagram eu posso ser rápida, não perco tempo, a comida não esfria, não pago mico em público, não preciso carregar equipamento, não preciso me antecipar pra nada, porque na hora que a oportunidade aparecer eu estarei pronta para ela. Isso não quer dizer que não preciso ter um minimo de cuidado. Muito pelo contrário, preciso ter um certo timing, ter um olho apurado pra captar a essência da imagem e da mensagem que quero passar e preciso ser bem rápida no gatilho, ter a mão firme e ser decidida, porque muitas vezes só me dou aquela única chance, não fico escolhendo pose, apenas enquadro e clico. Já me senti um pouco culpada por ter adotado esse esquema mais fácil, porque percebo que há uma tendência geral pelas imagens mais profissionalizadas. Mas cada momento é único pra cada caso e pessoa. E o meu momento é esse—me falta tempo e paciência, mas não me falta vontade de criar. Assim então, para satisfação ou desgosto do freguês, continuarei até quando resolver mudar.

9 comentários sobre “beauty is in the eye of the beholder”

  1. Fer, muito tempo sem comentar, mas sempre dando uma passada por aqui…
    Luiz Gonzaga disse um dia que “prá o sanfoneiro bom, não existe fole ruim”. E é isso mesmo. Em qualquer equipamento, suas fotos continuam ótimas! Não é a máquina, é quem está por trás dela. E você consegue não só captar a essência do que faz ( suas fotos têm a cara dos seus textos), mas também nos inspirar.
    Rogério
    R: L.G. tinha razão! obrigada Rogério! um abraço 🙂

  2. Suas fotos continuam as mais lindas Fer!!
    Nada de se sentir culpada, sai dessa… o blog eh para ser prazeroso para voce escrever/postar, essa eh sua fase agora e seu blog reflete isso, q nos a amamos o chucrute continuaremos sempre visitando e curtindo suas lindissimas fotos e posts deliciosos de ler!!
    Beijos
    Ana
    R: obrigada, Ana! beijoo :-**

  3. Eu notei a mudança e gostei muito. Já me peguei pensando no motivo e tals e eis que agora já sei. As fotos vão sempre continuar belíssimas e inspiradoras porque quem está por trás delas não mudou. ♥
    R: Isa, obrigada por me dizer isso! um beijo :-*

  4. Querida, gostamos do seu blog do jeito que você faz, e ele é seu, você tem liberdade de fazer as suas escolhas, e não se preocupe, suas fotos continuam lindas e inspiradoras do mesmo jeito!
    P.S.
    Amo seu blog, ele me acalma, nesse mundão hipercibernéticomulticolor, ele tem um quê de romântico, acolhedor, vintage, que só encontro aqui!
    Bjus!
    R: Lilian, adorei saber que voce. acha tudo isso aqui! obrigada e um beijo :-*

  5. Fer,
    Tuas fotos continuam belíssimas!
    Concordo com a Lílian: “…nao dá para imagiar a vida sem internet. (…)Chucrutecomsalsicha…” 🙂
    Beijos,
    Claudia
    R: obrigada, Claudia! um beijo :-*

  6. Desencana, garota, que continua tudo belíssimo! A falta de tempo tem seus encantos também, reflete bem a vida da gente cheia de novidades! Há poucos anos atrás era tudo tão diferente, né? Hoje não dá pra imaginar a vida sem internet. Celular. Chucrutecomsalsicha. Muita coisa boa pra ver e tão pouco tempo pra tudo! Somos todos coelhos da Alice.
    R: é verdade, Lilian! beijo :-*

  7. Oi Fer,
    Te sigo no instagram e aqui. E as fotos continuam lindas!
    ‘E o modo de olhar seu quando tira a foto que duz tudo. Muito amor da sua parte dedicar um tempo pra nos. Eu amo muito e so tenho a agradecer.
    Espero que continue a compartilhar fotos e relatos. E um frescor no meu dia!
    Beijo e muito obigada
    R: Nat, e eu agradeço muito suas palavras tao gentis! beijao! :-*

  8. Pois eu ia dizer exactamente o que disse a Marilia: a freguesa aqui acha que as fotos continuam lindas! O talento nao é so da maquina, esta visto!
    Beijos,
    Daniela
    R: fico muito feliz por isso, Daniela! beijos :-*

Deixe a sua pitada: