berinjela com chermoula
tabule e iorgute grego

berinjela-tabule_4S.jpg
Quando a minha amiga Valentina me enviou o link para o documentário Jerusalem on a Plate do chef Yotam Ottolenghi dizendo que eu iria gostar, eu imaginei que com certeza iria, mas não podia imaginar o quanto. Fiquei absolutamente emocionada. Nunca tinha pensado muito sobre Israel e a mistura de culturas que se entrelaçam no cotidiano daquele país. Nunca parei pra pensar quanta influência, de tantas e tantas cozinhas aquele pais reúne. Fiquei encantada e feliz em descobrir que as receitas dessa viagem do Ottolenghi já foram compiladas num livro. Reservei o meu exemplar de Jerusalem que será lançado aqui nos EUA somente no meio de outubro. Mas pra aplacar a minha ansiedade de ver e fazer as receitas, o jornal The Guardian publicou algumas delas e essa berinjela foi a primeira que eu fiz. O tabule realmente não é novidade, mas o molhinho chermoula foi e é ele que faz toda a diferença nesse delicioso prato. Usei essas lindas e fotogênicas berinjelas listradas que eu tinha comprado naquele mesmo dia no Farmers Market de Woodland
2 dentes de alho amassados
2 colheres de chá de cominho em pó
2 colheres de chá de coentro em pó
1 colher de chá de pimenta vermelha em flocos
1 colher de chá de páprica doce
2 colheres de sopa da casca de um limão em conserva
140ml de azeite de oliva
Sal a gosto
2 berinjelas médias
150g de trigo para kibe [bulgar]
50g de passas pequenas [currants/sultanas]
10g coentro fresco picado
10g hortelã fresco picado
50g de azeitonas verdes picadas
30g de lascas de amêndoas torradas
3 talos de cebolinha picados
1e 1/2 colher de sopa de suco de limão
120g de iogurte grego
Pré-aqueça o forno em 400ºF/ 200ºC. Faça a chermoula colocando numa vasilha o alho, cominho, coentro, pimenta, paprica e limão em conserva, sal e 2/3 do azeite de oliva. Misture bem e reserve.
Corte as berinjelas em fatias bem grossas e faça cortes com a faca em diaginal e depois cruzando, tomando cuidado para pão perfurar até o outro lado. Coloque as fatias sobre uma assadeira forrada com papel alumínio e com uma colher coloque a chermoula por cima de cada fatia. Leve ao forno e asse até as berinjelas ficarem macxias, por uns 40 minutos.
Enquanto isso coloque o trigo de molho em água fervendo e deixe amaciar bem. Coloque as passas de molho em água morna. Escorra o trigo e as passas e misture os dois numa vasilha. Junte o restante do azeite, as ervas picadas, azeitonas, amêndoas, o suco de limão e sal a gosto. Misture bem e reserve.
Na hora de servir, coloque o tabule sobre as berinjelas assadas, coloque iogurte grego por cima, polvilhe com coentro e amêndoas torradas se quiser, tempere com mais azeite de oliva e sirva.
berinjela-tabule_3S.jpg

3 comentários sobre “berinjela com chermoula
tabule e iorgute grego”

  1. Oi Fer,
    O documentario esta em dvd? Eu nao consigo encontrar em nenhuma parte. Sera que vai ser lancado em dvd?
    Tenho recomendado os livros para as minhas clientes e elas amam. A biblioteca por enquanto tem apenas Plenty. Mas ja tem fila para os outros…
    Esse chef e um grande achado e acho otimo que ele usa tanta creatividade e simplicidade de uma so vez.
    Beijo!
    Janine
    R: Janine nao sei se o doc saiu em dvd, eu acho que ainda nao esa disponivel nos EUA. eu vi num link com senha enviado por uma amiga. beeijo

  2. Querida Fer,
    A minha reacção ao fantástico documentário do Ottolenghi foi exactamente igual à sua! É empolgante ver a comida na encruzilhada que é Jerusalém e perceber como ela é afinal o espelho perfeito dos povos que compõem a cidade. E como esta descreve na perfeição as diferenças e as partilhas daquelas pessoas. Uma emoção do princípio ao fim. Fiquei até com um nó na garganta. O Yotam Ottolenghi é mesmo um mágico!
    Um beijo grande e muitas saudades*
    R: querida Suzana, que coisa maravilhosa, não? amo o Ottolenghi cada vez mais, por tudo o que ele representa. tive os olhos cheios de lágrimas muitas vezes durante essa viagem que fiz com ele. mudou alguma coisa aqui dentro de mim. beijo enorme, com saudades imensas! :-*

Deixe a sua pitada: