panzanella de aspargos

spring-panzanella_1S.jpg
A salada que levei para o nosso picnic chuvarento merecia ser publicada aqui. Preparei ums receita no dia usando ervilhas frescas, além dos aspargos. E refiz no dia seguinte, usando vagens no lugar das ervilhas. Das duas maneiras ficou muito bom. A panzanella é uma salada de verão, geralmente feita com tomates e manjericão. Mas há variações de primavera e os aspargos ficam perfeitos nessa reinterpretação desse prato clássico.
faça os croutons:
1 pão rústico pequeno e amanhecido
Queijo parmesão ralado
Pimenta do reino moída na hora
Um maço pequeno de tomilho fresco picadinho
Azeite
Corte o pão em cubinhos pequenos, tempere com a pimenta, o tomilho, o queijo ralado e o azeite. Mexa bem para incorporar os temperos, espalhe sobre uma assadeira coberta com papel alumínio e asse em forno pré-aquecido em 400ºF/ 205ºC por 15 minutos ou até os croutons ficarem dourados e crocantes. Retire do forno, deixe esfriar e reserve.
faça a salada:
1 maço de aspargos frescos
1 pacote de vagens verdes [ou 2 xícaras de ervilhas frescas]
Meia cebola roxa cortada em fatias finas
Ciboulettes e folhas de hortelã fresco picados
Cubinhos de qualquer queijo firme
[*usei um queijo toscano com syrah na primeira versão e o queijo asiago na segunda]
Raspas e suco de um limão [*usei o Meyer]
Sal marinho e pimenta do reino moída na hora
Azeite a gosto
Remova a parte dura da extremidade inferior dos aspargos, coloque eles inteiros numa vasilha e regue com um fio de azeite. Coloque os aspargos numa grelha ou frigideira e cozinhe até eles ficarem al dente. Não deixe cozinhar demais! Remova os aspargos da grelha e deixe esfriar num prato. Reserve. Cozinhe as ervilhas ou as vagens por uns minutos em água fervendo. Também não deixe cozinhar muito, especialmente as vagens que não devem ficar molengas. Escorra e reserve. Coloque as fatias de cebola numa vasilha com água gelada e um pouco de vinagre de vinho. Deixe descansar por uns 10 minutos, escorra e reserve. Numa saladeira coloque os aspargos grelhados e picados, as ervilhas ou vagens cozidas [pique as vagens também], a cebola, as ervas e as raspas de limão. Misture bem, tempere com sal e pimenta do reino moída na hora, o suco de limão e azeite a gosto. Junte os cubinhos de queijo e os croutons, mexa para incorporar e sirva.
Essa salada guarda bem de um dia para o outro na geladeira se porventura houver o milagre das sobras. Adoro quando isso acontece!

6 comentários sobre “panzanella de aspargos”

  1. Fer querida,
    Aspargos frescos por aqui nem em sonho, posso tentar uma panzanella (adorei o nome) com palmitos Pupunha?
    Boa Páscoa p/ vcs, como será a comemoração?
    Bjs
    R: Luiza, claro que pode! pupunha é uma delicia! aqui a nossa páscoa é super simples e esse ano não faremos nada especial porque o Gabriel viajou e não vamos passar juntos. mas fiz um bolo de chocolate! um beijo! 🙂

  2. Fer, suas saladas sao sempre surpreendentes. Como adoro aspargos e estão bonitos por aqui nesta época, vou copiar – de novo…
    Forte abraço e feluz, doce Páscoa.
    R: Wair, obrigada e uma linda Páscoa pra você também! 🙂

  3. Oi Fer.
    Gosto tanto de vir ao teu blog. Adorei a loucura do pic nic à chuva – Acho que são momentos assim que aguçam os sentidos – incluíndo, obviamente, o paladar.
    Por aqui já se começam a ver espargos mas ainda não os provei, este ano. Quando os trouxer para casa, vou pensar na tua panzanella. Adorei esta receita com espargos e croutons… mmm…
    Beijinhos e boa Páscoa!
    Sofia
    R: Sofia, muito obrigada e boa Páscoa pra voce tambem! bjo

  4. Fer adorei esta panzanella cheia de twists. Por cá tb já me ando a regalar com espargos, ervilhas tortas, favas e todos os verdes deliciosas trazidos pela Primavera! 🙂
    Uma Páscoa Feliz para ti.
    Bjs
    R: obrigada, Susana. pra voce tambem! beijo!

Deixe a sua pitada: