galette de damasco

galette-damasco_1S.jpg
galette-damasco_2S.jpg
Nesta época do ano eu sempre me excedo. Fico numa ansiedade para poder consumir todas as frutas que começam a aparecer no mercado—principalmente as que têm duração curta, que é o caso dos damascos. Precisa ficar alerta e não piscar muito, para não perder nenhuma oportunidade de comprar essa frutinha deliciosa, cuja temporada é curtíssima. Daí que exagerei e além de comprar muito, comprei umas muito maduras. Me apressei numa receita para usá-los. Queria que a massa fosse algo diferente e encasquetei que queria uma feita com sour cream. Finalmente achei esta da Chow. O recheio saiu de uma receita de torta de ruibarbos e funcionou muito bem para damascos.
prepare a massa:
1 xícara de farinha de trigo
1 pitada de sal
8 colheres de sopa [113gr] de manteiga gelada sem sal
1/2 xícara de sour cream bem gelado
No processador coloque a farinha e o sal. Pulse. Corte a manteiga em cubinhos e junte à farinha, sempre pulsando até os pedacinhos de manteiga ficarem bem pequenos. Junte o sour cream e pulse até formar uma massa. Remova a massa do processador, forme uma bola, embrulhe em plástico e coloque na geladeira por uns 30 minutos. Essa massa fica bem frágil e delicada para abrir. Eu abri sobre um pedaço de papel vegetal levemente enfarinhado e coloquei a massa na forma em cima do papel. Gele a massa aberta por uns minutos antes de colocar o recheio.
faça o recheio:
12 damascos descaroçados e cortados ao meio
1/2 xícara de açúcar
1/3 xícara de maizena
1/4 colher de chá de cravo em pó
1/4 colher de chá de nos moscada ralada na hora
2 colheres de sopa de suco de laranja [ou limão]
Misture tudo muito bem, deixe descansar uns minutos. Coloque o recheio no centro da massa deixando um espaço ao redor para poder dobrar. Dobre as bordas sobre o recheio, pincele com o molho que sobrou do recheio [foi o que eu fiz] ou faça uma mistura de 1 gema com 1 colher de sopa de água. Leve ao forno pré-aquecido em 365ºF/ 185ºC por mais ou manos 30 minutos ou até a massa ficar bem dourada e o recheio de fruta cozido e borbulhante. Remova do forno, deixe esfriar e sirva.

7 comentários sobre “galette de damasco”

  1. Comi hoje os primeiros. Comprei 1 kg e duvido que faça algo com eles, vou comer mesmo ao natural 🙂 Mas essa gallete está o máximo. Se eles estivessem mais baratos eu até experimentava umas quantas receitas 😉

  2. Fer Querida,
    Essa é “só’ a minha fruta favorita… pela qual espero um ano inteiro e este ano ainda não consegui comer nem um… 🙁
    A sua galette está linda e se fosse mais perto eu dava aí uma passadinha ainda hoje :)))
    Um Abraço,
    Carlota

  3. Linda a gallete!! Eu vi uma receita parecida acho q na Cooking Light de junho, a foto estava maravilhosa, eu babei e guardei a receita p/ testar (a revista foi doada p/ a library, hehe!)
    Outro dia achei damascos iguais aos q vc postou aqui outro dia Fer, lindos, plump e com aquele blush do lado. Estavam tao docinhos, eu e Matheus devoramos em poucos dias, nao sobrou nenhum p/ virar receita.
    Mas a galette ainda esta na minha cabeca, vendo a sua me deu mais vontade ainda de fazer!
    Ana

Deixe a sua pitada: