torta de castanhas

bolocastanhas_1S.jpg

No final do ano me entusiasmei comprando ingredientes para a ceia do dia primeiro, sem poder imaginar que ficaria doente e não tivesse a mesma disposição que tenho sempre para enfrentar a cozinha. Muita coisa sobrou e encalhou. E uma delas foram dois pacotes de castanhas portuguesas já descascadas e cozidas no vapor. Estava um pouco ansiosa para usar logo as castanhas, que aqui são um produto sazonal e portanto não disponível o tempo todo nas prateleiras e bancas dos mercados. Escolhi esta receita de torta de castanhas publicada pelo Chef Janvier para usar meu estoque desse ingrediente precioso. Fiz exatamente, usando as medidas em gramas com ajuda da minha balança eletrônica, não adaptei nadinha, também não inventei um pingo. Tal como está lá, está cá. A minha torta ficou com uma textura mais para o lado de um suflê bem pesado. E vou dizer com toda a sinceridade—ficou uma delícia simplesmente absurda! Até o crítico, que já tinha confessado não gostar de castanhas portuguesas, devorou a torta com entusiasmo. Portanto, se um bocadito dessas deliciosas castanhas cruzarem o seu caminho, não deixe passar a oportunidade, faça correndo esta receita!

400 g de castanhas portuguesas já cozidas, sem casca e sem pele
100 g de de amêndoas
200 g de açúcar
100 g de manteiga sem sal
4 ovos inteiros
Raspa da casca de 1 limão
Açúcar de confeiteiro para decorar

Cozinhe as castanhas em água com uma pitada de sal e um pouquinho de sementes de erva doce. Reduza a um purê, usando um garfo, amassador de batatas ou a batedeira. Triture as amêndoa no processador para obter uma farinha grossa. Separe as claras das gemas. Bata as gemas com o açúcar, e adicione a manteiga derretida e a raspa do limão. De seguida junte as amêndoas e as castanhas em purê e envolva tudo nas claras, já batidas em neve.

Unte uma forma de torta ou bolo funda com manteiga e farinha, e leve para assar em forno pré-aquecido em a 355ºF/ 180 ºC por uma meia hora [*o meu levou mais tempo, vá testando]. Deixe esfriar, desenforme e decore generosamente com açúcar de confeiteiro.

16 comentários sobre “torta de castanhas”

  1. Fer, fiz um doce com castanhas mas não ficou legal… tenho mais um vidro de castanhas pré-cozidas (comprei 2 numa promoção ótima no Pão de Açúcar!!)e queria fazer sua torta. Dúvida: você cozinhou DE NOVO as castanhas já descascadas?
    R: Lu, sim cozinhei novamente com um pouco de água e as sementes de erva-doce. porque elas precisam estar molinhas pra virar purê.

  2. Gostei da receita, ela funciona só com castanhas portuguesas ou pode ser também com castanhaa normal?
    Uma outra coisa que eu venho tentando fazer é copiar esta linha de castanhas aqui a Cashews Royale – http://www.pazzani.com.br/castanhas-de-caju-cashews-royale/ .
    Problema que ela é muito cara no mercado mas sou fã assumida da feita com pimenta, mas na hora de tentar fazer igual em casa não está saindo NADA bom.
    Alguma sugestão? Castanhas parece que são difíceis de pegar sabor parece…

  3. Fer, nao paro de vir neste post neh??hehe..E esse pudim de Outono que a sua leitora Sofia falou, voce conhece ou tem a receita? {suspiro}
    Bjs amiga!
    R: nao tenho, Bri! sera que a Sofia nao faria a gentileza de colocar a receita aqui? um beijo!

  4. Oi Fer, ontem anoite lembrei muito de vc. Estavamos procurando o que ver na TV e achamos Julia Child. Sabe que eu nunca a tinha visto? Fiquei mais impressionada ainda com a atuaçao da M. Streep. Precisamos nos ver, seus amigos brasileiros ja voltaram? beijao

  5. As castanhas também fazem um belo pudim de outono, cozido em banho-maria no forno. A textura é mesmo essa: densa, quente e maravilhosa!

  6. Fer,
    eu sou LOUCA por bolos feitos com castanha portuguesa. Já experimentou a farinha de castanha? Fazer bolos ou mesmo massa de macarrão com ela fica tãaaaaao gostoooooso… Por aqui sempre vejo as castanhas embaladas a vácuo, mas nunca comprei. Vou ver se me animo, porque essa torta parece MUITO apetitosa! 🙂
    Bjs
    Ana

  7. OI boa noite, oi ótimo esta receita vc nem pode imaginar, sempre ganho estas castanhas, e penso é muito e realmente não sabia o que fazer so cozida, fiz recheio de um frango com elas,um dia pensei até em tentar fazer farinha, agora me apareçe este bolo maravilhoso, nunca mais vou ficar pensando no que fazer, pois aqui em casa todo dia tem que ter bolo, fazer o que 4 filhos e 2 netos imagina beijos. até(diu)

  8. Hummm, esta lindissima Fer! Adoro coisas com amendoas e castanhas portuguesas sao mesmo uma delicia. E elas sao por natureza cremosas e densas ne?!
    Depois posta a foto do pedaco q vc comentou com a Brisa, eu gostaria de ver tbem, fiquei curiosa!!
    Beijao!
    Ana

  9. Fer, com que nome essas castanhas sao vendidas nos USA?
    Acho que nunca vi por aqui, mas fiquei com vontade de experimentar essa torta, acho que o meu amado iria adorar…
    R: Sally, aqui elas são as chestnuts.

  10. Essas são minhas castanhas preferidas. Sabor denso maravilhoso… Te mandei uma vez uma receita de sorvete delas, que é uma coisa de louco! Quando tiver a oportunidade de provar, você não vai se arrepender!
    Abs.,

  11. Fer, deve ser deliciosa mesmo. Castanhas portuguesas estao entre aqueles items que eu AMO (marron glace, yummmm). Eu queria ter visto a torta por dentro. Sobrou alguma foto assim?
    🙂 bjs
    R: sobrou um pedaço, qdo chegar em casa tiro uma foto lateral pra voce ver. 🙂 bjo!

Deixe a sua pitada: