laranja vermelha com calda morna de mel & alecrim

laranja-mel_2S.jpg

No final do ano em Londres, aproveitei bastante os dias de convivência com minha família, mas não consegui passear muito. Até fiz planos de visitar a Petersham Nurseries e almoçar no café ou mesmo tomar um chá, mas não consegui. Quando voltei da viagem, coloquei livros de alguns chefs ingleses na minha wish list da Amazon, entre eles os da Skye Gyngell, a simpática chef do café da Nursery. O primeiro que comprei foi My Favorite Ingredients, onde ele dá receitas feitas com 16 de seus ingredientes favoritos. Marquei muitas para fazer, é claro. Mas a primeira que coloquei em prática foi essa sobremesa incrivelmente delicada, feita com as laranjas vermelhas [blood oranges] que ainda estão na estação por aqui, mas logo desaparecerão.

Acho as laranjas vermelhas lindíssimas. Não tem páreo para elas nessa disputa de beleza. Elas são docinhas, mas podem ter um leve toque amargo, o que as deixa ainda mais charmosas. Essa receita serve 4 pessoas.

6 laranjas vermelhas
1/2 xícara de um mel leve e aromatico [*usei de flor de laranjeira]
3 colheres de sopa de água
3 ou 4 raminhos de alecrim fresco, mais para decorar
1 pequena pimenta vermelha seca bem picadinha
[*opcional, não usei]

Descasque as laranjas com uma faquinha bem afiada, removendo também toda a parte branca. Corte em fatias. Passe o rolo de macarrão pelos raminhos de alecrim, para machucá-los um pouco e liberar os aromas. Numa panela coloque o mel, a água e os raminhos de alecrim. Deixe aquecer no fogo baixo, mas não deixe ferver. Arrume a fatias numa travessa ou em pratos individuais. Remova os raminhos de alecrim e regue as fatias de laranja com o mel aquecido. Se for usar a pimenta seca picadinha, salpique por cima das fatias de laranja. Decore com raminhos frescos de alecrim se quiser e sirva.

8 comentários sobre “laranja vermelha com calda morna de mel & alecrim”

  1. Querida Fer, vc amara a Petersham Nurseries. O lugar e lindo e fica tambem em uma linda parte de Londres. Se voce for de Richmond tem um lindo walk by the river. Disto tenho certeza. Amo blood oranges.Pena que a season delas seja tao curta,ne?! Mas ao mesmo tempo as faz mais especiais. eu fico sempre esperando por elas eagerly.Um grande abraço.

  2. Fer Querida,
    Eu Amo essas laranjas mas elas por aqui são raríssimas :((( Se tudo correr bem passarei a Páscoa em Londres 🙂 Vou anotar essa sua dica do Patersham Nurseries.
    Um Abraço,
    Carlota
    R: Carlota, depois me conta desse lugar, que me parece ser lindo. beijo

  3. Fer, onde entra a pimenta? Achei meio estranho esse ingredientea junto com a calda doce mas fiquei sem saber se realmente entra 🙂 Aqui nunca encontrei essa laranja. Acho-a mesmo maravilhosa até porque eu adoro a cor vermelha 🙂
    R: [sorvetada na testa!] como não usei, esqueci de colocar no modo de fazer. vou arrumar. mas é na hora de servir, salpica por cima. não fiz porque não vi essa parte na receita. [mais uma sorvetada na testa!].

  4. omg, as laranjas sao lindas mas o prato…. demais, deu todo o tcharans para a foto! Amei essa foto Fer, esta um espetaculo de linda!!
    Bjs
    Ana
    R: depois que saquei que são quase da mesma cor! beijo! :-*

  5. Bom, vou ser a primeira a comentar sobre esse prato, mas acredito que nao serei a ultima….
    demais! lindo, um desbunde…. agora vou ler a receita 🙂
    R: hahaha! beijo, Sally!

Deixe a sua pitada: