bolo de ruibarbo & especiarias

bolo-ruibarbo_1S.jpg
bolo-ruibarbo_2S.jpg
Resolvi levar um pacote de ruibarbo congelado pra casa. Aqui os ruibarbos frescos só aparecem brevemente numa certa época do ano, mas congelados eles estão disponíveis year-round. Lógico que prefiro o fresco, mas decidi arriscar. O pacotinho de ruibarbo ficou esperando no freezer porque, comprado de impulso, eu realmente não tinha nenhuma idéia de como usá-lo. Foi quando folheando a revista Olive distraídamente, encontrei lá três receitas com ruibarbo logo nas primeiras páginas. Uma delas foi a escolhida. Vou dizer que apesar de ter balança [e agora uma digital, presente de natal do meu filho], conversores de medidas nos computadores e no telefone, ainda me atrapalho—sem falar que me irrito— com medidas em gramas. Principalmente se elas não tiverem a conversão exata para xícaras e colheres. Também fiquei cabreira com o detalhe da receita ser feita no processador. Juro que achei que não iria dar certo, ainda somando o fato do ruibarbo ser congelado. Mas para a minha imensa surpresa, o bolo não só vingou, mas ficou fofinho e delicioso, perfumado de especiarias com uma base ardidinha proporcionada pelo ruibarbo. Muito bom! Como eu não tinha o mixed spice pedido na receita, improvisei a minha própria mistura. Também fiz a minha própria farinha self-raising.
140 gr de manteiga amolecida
300 gr de farinha self-raising [*para fazer essa farinha adicione 1 1/2 colher de chá de fermento em pó e 1/2 colher de chá de sal para cada 1 xícara de farinha comum]
2 colheres de chá de mixed spice [*fiz a minha com canela, cravo, cominho, nos moscada, tudo em pó, e raspinhas secas de casca de laranja]
1 colher de chá de gengibre em pó
100 gr de açúcar muscovado escuro [*substitua pelo mascavo]
250 gr de golden syrup [* use xarope de milho ou mel]
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
2 ovos batidos
300 gr de ruibarbo cortado em pedaços pequenos
Açúcar de confeiteiro para polvilhar
Pré-aqueça o forno em 356ºF/ 180ºC, unte uma forma quadrada de 20 cm com manteiga e forre o fundo com papel vegetal. Coloque uma chaleira com água no fogo.
Numa vasilha peneire a farinha de trigo [e o fermento e sal, se não tiver a self-raising] e as especiarias. No processador de alimentos bata a manteiga e o açúcar até ficar uma mistura clara, junte o golden syrup e bata novamente. Misture o bicarbonato de sódio com 200 ml de água fervendo e junte essa mistura gradualmente à massa no processador. Junte a mistura de farinha e pulse, então junte os ovos batidos e pulse mais umas vezes. Remova a mistura do processador para uma vasilha. Junte o ruibarbo e misture delicadamente. Coloque a massa na forma untada e forrada, leve ao forno por 60 minutos ou até que o bolo esteja firme e cozido. Remova do forno e deixe esfriar por uns minutos. Vire o bolo numa grade, remova o papel, deixe esfriar completamente, coloque numa travessa ou prato quadrado e polvilhe com o açúcar de confeiteiro.

7 comentários sobre “bolo de ruibarbo & especiarias”

  1. Boa tarde, adorei esta receita até por ser diferente, pois sempre vemos ruibarbo em torta, geléias, ou com carne de porco, o bolo fica parecendo o de gengibre, a Marisa Ono(blog delícia), plantou ruibarbo em Ibiuna e pelo jeito esta indo bem, eu fiquei em dúvida com as medidas para fazer a farinha; elas são para 300gr. ou para 1kg. desde já obrigado, vou xeretar seu blog sempre, adoro comida diferente.(diu)
    R: Diuza, seja bem-vida e volte sempre! a receita da farinha com fermento é para uma xícara [250gr]. faça duas xícaras ou 1 1/2 e então pese as 300gr pedidas na receita do bolo.

  2. Fer,
    Ai q curiosidade pra saber q que gosto tem esse tal do ruibarbo….:)
    O bolo ta fofo!
    Bjoka,
    Dani
    R: ele é bem azedinho, Dani, por isso mistura tão bem com outras frutas e combina com coisas doces. bjo!

  3. Oi Fer, gostei muito do seu Blog! As receitas sao super diferentes e interessantes! As fotos estao lindas! Parabens!! Adorei ler os seus comentarios antes das receitas de como foi que vc a escolheu, o que gostou e o que nao, a leitura e muito fluida, gostosa e engracada! Achei o seu blog ha 2 horas atras…e nao consegui parar de ler, eu tenho essa mania de ter insonia e ficar na cama com o neu Iphone procurando receitas na internet…estava procurando una receita de como salgar bacalhau, e achei a sua receita de bacalhau do atlantico, aqui nao achamos bacalhau salgado tao facilmente como no Brasil…eu moro en Londres e by the way eu adorei os textos de qdo vc estava aqui! Fiquei muito feliz de ler o seu blog e saber que existem outra louca no mundo que nem nos: pois (alem do mesmo nome) eu tambem adoro, desde de pequena, colecionar livros de culinaria e receitas e tambem acho que nao cozinho ou entendo de cozinha tao bem!!! Ha mais loucas que nem nos nesse mundo???
    Gostaria de uma dica sua: qual e a maquina fotografica que vc usa? As fotos estao tao lindas! Quero comprar urgente uma maquina boa para mim, vc me daria essa dica? Bom sinta-se a vontade de me escrever um email caso queira uma receita! Um abraco e um feliz 2010! Parabens pelo Blog! Fernanda

  4. Fer, está lindo! A aparência está de fofinho. com uma xícara do meu chá fedidinho e delicioso seria uma otima pedida.
    R: Valentina, quero comprar esse chá para experimentar. 😉 beijo!

  5. Que legal, a receita com ruibarbo. Nao sabia que esse era o nome em portugues, porque somente conheci essa planta na Europa. Meu marido adora rhubarb e vive na esperanca que eu faca algo, mas ate hoje somente arrisquei uma geleia.
    Quando chegar a estacao (nunca vi congelado aqui), vou provar :-). Meu marido vai certamente adorar 🙂

  6. Essa revista Olive está a perseguir-me 🙂 Vejo referências a ela em quase todo lado e nunca a vi à minha frente, parece ser muito boa. Ruibardo aqui também não se encontra, nunca provei mas o bolo tem um óptimo aspecto, massa bem aberta 🙂

Deixe a sua pitada: