Ottolenghi [take out]

ottolenghi_2.jpg

ottolenghi_4.jpg

ottolenghi_3.jpg

Precisava comprar os dois últimos presentinhos de natal, então fui até a High Street em Kensignton, um lugar que eu já conhecia bem. Aproveitei também pra dar um pulo numa das filiais do Ottolenghi que fica na rua de trás, a Holland Street. Cheguei lá verde de fome e já fui perguntando se eles serviam almoço. Infelizmente aquela loja só fazia take out, ou take away, como eles dizem aqui. Comprei toda comida que eu pude carregar—arroz iraniano com pistachos, saladas diversas, pãezinhos de queijo, bolinho de maracujá e torta de frutas. Perguntei se podia tirar fotos e o mocinho que me atendeu super gentilmente disse que não. Então me conformei só em olhar e fotografar de fora. Comprei o livro também e voltei pra casa carregada, com mais fome ainda e com uma apertamento daqueles de fazer xixi. Me atrapalhei na estação de metrô e peguei o trem pro sentido oposto. Esperei um tempão na estação pra pegar o trem de volta, desta vez no sentido certo. Quando cheguei em casa, meu irmão estava lá e devoramos juntos toda a comida, super fresca, super saborosa. Adoramos.

9 thoughts on “Ottolenghi [take out]”

  1. Oi Fer,
    Este Ottolenghi era na esquina da minha antiga casa. Na epoca eu era estudante de mestrado vivendo de bolsa e so’ podia ficar babando que nem cachorro na frente da vitrine. 😉

  2. Fernanda:
    Como são sempre óptimas as suas receitas,seria possivel me enviar uma receita sua para fazer peru assado para o Natal?
    Obrigada
    bjinhos
    Constança
    R: oi Constança, eu realmente não tenho uma receita de peru, sempre faço a olho. beijo, Fer

  3. se atrapalhar no metro de londres e’ um classico 😉 o pior e’ que essa linha que voce pegou, neste trecho, costuma ser bem espacada. demora mesmo… nao conhecia o lugar, vou guardar a dica para a proxima visita. bjs

  4. Da última vez que estive em Londres descobri a Ottolenghi. Mas infelizmente foi na passagem do ano e todas as filiais estavam fechadas. Então ainda não consegui provar. Mas comprei o livro, que acho lindo. E da próxima vez que for a Londres não volto sem provar as maravilhas dessa equipa – que ainda por cima é cheia de simbolismo: um chef israelita e outro palestiniano.
    Beijo *

  5. Fe, amei 🙂 E acho que você vai gostar muito do livro. Poste bastante de Londres, no Carnaval vou pra aí e vou aproveitar muito as suas dicas. Um beijo!! Bom Natal!

Deixe a sua pitada: