um chá com a Valentina

chá com Valentina
chá com Valentina
chá com Valentina
chá com Valentina chá com Valentina
chá com Valentina
chá com Valentina chá com Valentina
chá com Valentina
chá com Valentina
chá com Valentina chá com Valentina
chá com Valentina

Marcamos de nos encontrar na saída do metrô em Notting Hill. Foi a primeira vez que fui me encontrar com uma amiga blogueira totalmente às cegas, pois apesar de conhecer a Valentina e o Trem Bom há anos, nunca tinha visto uma foto dela. Por alguns minutos fiquei lá parada com aquela expectativa estranha, olhando para cada rosto que se aproximava pensando, será ela? Mas quando ela chegou, sorridente e já de braços abertos para um abraço, não me surpreendi. A Valentina é exatamente o que ela nos passa pelo blog. Nem precisa mesmo de foto!

Fomos caminhando pela noite gelada pelas ruas de Notting Hill, conversando sem parar, até que encontramos um lugarzinho simpático para beber um chá. Eu não vou saber dizer onde fica exatamente, mas era uma loja, com coisas lindas de decoração, uma boutique de roupas no subsolo e um restaurantezinho no fundo da loja. Ainda não eram nem 6pm, apesar da escuridão, e portanto ainda poderíamos oficialmente pedir um chá da tarde.

A Valentina que me orientou nos pedidos, pois eu queria provar algo tradicional inglês. Pedimos então duas tortas—pra mim a banoffee pie com banana fresca e pra ela uma treacle tart com custard. Bebemos chá, of course, eu fui de hortelã fresco e a Valentina de lapsang souchon, um chá bem aromático, que ela mesma disse que não é todo mundo que gosta. Achei o aroma bem defumado, mas não provei.

Conversamos tanto, tanto, que até constrangimos o garçon. Fomos caminhando novamente pelas ruas de Notting Hill, paramos numa livraria para olhar livros de culinária e depois a Valentina me acompanhou até a minha estação, pra não ter perigo de eu pegar o lado errado da linha às nove da noite. Foi de uma delicadeza ímpar.

Tivemos um encontro de duas dinossauras da velha guarda dos blogs de culinária brasileiros. Já fizemos e vimos muita coisa e continuamos firmes, ou quase. Esses são laços importantes, que eu gosto de preservar. Valentina, muito obrigada pela noite tão agradável! e espero um dia poder retribuir toda a sua gentileza, quando você for me visitar lá do outro lado do mundo!

19 thoughts on “um chá com a Valentina”

  1. Quando a Tina me contou que vocês iriam se encontrar fiquei super contente, Fer – e curiosa, também, admito! 😉
    Que gostoso o encontro de vocês. E esse chazinho da Valentina é famoso – eu o apelidei de “chá fedido” quando estive com ela. 🙂
    Beijo!

  2. Dois blogs que eu acho tão bacana ler, que encontro feliz! nesta distante província em que vivo, esse encontro parece um conto bom de ler.
    bejoabraço,
    Veroca roca.

  3. Nega, que chique, voce tomando cha com a Valentina em Notting Hill!!! Tomar cha na Inglaterra e’ mesmo um MUST, neh nao? Quando eu fazia faculdade na USP vivia tomando o cha’ das cinco com uma colega cuja mae era inglesa. Aprendi a tomar o cha’ preto bem escuro, quando pinga o leite frio nele fica da cor do cafe’ com leite. E o sabor? E’ simplesmente uma gloria! Desde nova eu aprecio o black tea (cha’ preto do ceylao, que minha nonna nao deixava faltar em casa).So’ que ela tomava o dela ralinho… forte com leite, that’s my piece of pie. Nah, nao vou comentar NADA sobre as tortas que voces comeram, ta’ bom? Muito bom ter noticias suas ai’ nessas londrinas e nevoentas paisagens, nega, muitos beijos, MERRY CHRISTMAS to you and all family!

  4. Fernanda
    Um Feliz e grande Natal para vc, Uriel e toda sua família !!! Que 2010 venha cheio de enrgias boas para todos nós !
    Amei o post…eu amo Londres !
    Beijos,
    Patrícia, Caio e Marcos

  5. Que aconchegante esse lugar!!! No friozao, nada melhor que uma boa xícara de chá 🙂
    Beijos, Fer, e um Feliz Natal pra voces!!! Seu blog foi uma inspiracao para mim e minha cozinha em 2009 🙂
    Angie

  6. Fer, memorável esse encontro, hein!
    Não conheço a Valentina por foto mas tenho uma imagem de que seja uma pessoa muito atenciosa mesmo e você pode confirmar isso.
    Gosto tanto desses encontros entre blogs! Eu mesma já participei de alguns.
    Bjs e um ótimo Natal para você.

  7. Querida Fer,
    Nem sei como Notting Hill aguentou vocês duas em pessoa e em volta de uma mesa com tanto para conversar!! Que perfeita conjugação. 😉
    Votos de um Natal muito feliz e desejos de um 2010 excelente!
    Muitos beijos*

  8. Querida Fer, foi ótimo te encontrar. Pena que não pude te trazer para Surrey. Mas fica para uma outra visita. Foi um prazer imenso mesmo. Feliz Natal. Acho que a neve vai parar de cair. Aqui aonde moro ainda tem neve em muitos lugares, e o frio continua doloroso.risos. Grande abraço e até o próximo encontro.

  9. Um encontro de blogueiras históricas!
    🙂
    Pelas imagens, foi mesmo um encontro delicioso e bem passado.
    Fer, quero deixar aqui os votos de um Natal muito feliz, com o carinho da família e o calor que este convívio nos oferece.
    Beijinhos. 🙂

  10. Fer,
    Voce merece essa atenção toda especial!!!
    Que bacana! Quanta atenção!!!
    E que lugar maravilhoso hein?
    UM sonho de lugar!
    Divirta-se bastante ! E obrigada por compartilhar conosco!

  11. Fer, que legal este encontro! Respeito muito vocês, a velha guarda dos blogs de culinária, e espero um dia poder ter o privilégio de tomar chá com a Valentina em Londres e tomar um vinho com você na California 🙂 Um beijo, bom Natal, um ótimo 2010 e curta bastante a viagem!

  12. ô fe,
    que delícia de encontro e que ótima descoberta para tomar um chazinho. tb gosto bastante do trem bom e de vez em quando passo por lá para conferir as gostosuras. fiquei com água na boca para provar o chá que a valentina escolheu. o lapsang souchong. é um chá bem diferente e já o usei algumas vezes na culinária pela característica de defumado que ele tem, mas nunca provei a infusão, acredita? uma falha hehe
    um brinde de xícaras a esses encontros bons de amigos e lugares bacanas, então!
    bjos

Deixe a sua pitada: