La Paella

paella_c_1S.jpg
paella_c_2S.jpg
[e ainda na Espanha…]
Pensaram que eu ia sair da Espanha sem provar uma paella, hein? Oh—no! Combinei de jantar com nossos amigos, mas no meu portunhol miseraver, hablando por teléfono, não saquei que era almoço e não jantar. Segundo a tradição, come-se paella normalmente para o almoço, por ela ser um prato pesado e indutor de siestas. Mas nos comemos num quase jantar, pois estavamos em Granada e viemos dirigindo alegremente e tranquilamente sem pressa, achando que estávamos no horário. Mas estavam todos nos esperando já no restaurante. Big bafão! Mas fomos perdoados e a paella estava deliciosa. Era uma de pescados, com peixe, frango, merluza e camarões gigantes. Essa paella leva duas horas pra ficar pronta e é cozida numa forma funda de barro, onde é servida. Eu adorei o sabor do arroz e comi o peixe e o frango. Mas esses bichos com olhos, eu coloquei elegantemente e disfarçadamente de lado. Ninguém reparou, porque a conversa estava animada, regada a sangria e tudo mais.

9 thoughts on “La Paella”

  1. Ô Fer, que saudade que eu estava de vc e do Chucrute!
    Mas vendo toda essa comilança, meu estômago até dói.
    Tô numa dieta…
    Espero que vc melhore logo desse jet leg e volte pra sua cozinha, suas observações e divagações, por asim dizer.
    Amo mt tudo isso.
    Bjs

  2. Camila
    Vc morou em Barcelona? Fazendo doutorado? Que legal! Eu também fiz minha pesquisa do doutorado lá 🙂 E o lugar tambem me impactou muito…
    Fer
    Em Barcelona, quinta-feira era dia de paella. Todos os bares e restaurantes que serviam menu del dia no almoço tinham paella como uma das opções nesse dia. Por 5 euros eu comia um prato de paella com direito a bebida e café…
    Mas paella é um desses pratos que tem que saber onde comer pois tem muito tourist traps nas grandes cidades servindo paella congelada…
    As minhas melhores experiências com paella eram os domingos, durante o verão, quando pegávamos o trem pra St Pol de Mar, uma cidadezinha a uma hora ao norte de Barcelona. Passávamos o dia na praia, num lugar super tranquilo. A única coisa que tinha naquela prainha era um restaurante que ficava lotado de gente do lugar nos fins de semana. Lá pelas duas ou tres da tarde era pra lá que íamos. Uns calamaris esfarinats, uma paella enorme e muito vinho verde… que delícia! Se éramos 7-8 pessoas, tínhamos que pedir paella para 5 pois era ENORME!
    Em outra ocasião, fomos fazer um hiking com uns amigos perto da cidade de Vic. O dia terminou num almoço no topo da montanha, onde comemos uma paella montanhesa, a base de carne…
    http://guerson.wordpress.com/2007/02/23/lunch-on-top-of-a-mountain/
    Que bom que vc gostou da espanha!

  3. Fer!!!
    Já faz 2 meses que voltei da Espanha e já estou com vontade de comer paella…
    Mas se come bem neste país, heim????
    A minha estada em Barcelona me deixou saudade mas me trouxe muito conhecimento, seja do doutorado, seja da vida, seja da gastronomia…
    beijo e sigo acompanhando teu blog aqui do sul do Brasil, mais especialmente Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha

  4. Realmente como está em Espanha tinha mesmo de provar paella. É um prato maravilhoso com uma mistura harmoniosa de carnes e marisco envolvidas num arroz colorido. Hummmm…que saudades. Beijinhos e bom passeio

  5. Fer,que delícia!!!!!!!!! A minha mãe tem estes apetrechos todos e faz este prato que fica uma gostosura,Granada é a terra da minha família.Que legal que estás gostando, beijo!

Deixe a sua pitada: