meu quiche lorraine

my_lorraine_4S.jpg
2 ovos batidos
1 xícara de creme de leite fresco
sal e pimenta do reino moída
2/3 de xícara de queijo Jarlsberg ralado [* o original era Gruyere]
3 talos de scallion [*o original era alho poró]
8 fatias de presunto [*o original era bacon]
Azeite para refogar
Já dizia o velho ditado popular que quem não tem cão caça com gato e eu aplico muito esse principio na cozinha. Não tenho receio de substituir ou improvisar, quando a situação permite, é claro. Não tem bacon, nem alho poró, nem queijo Gruyere, mas tem presunto, tem scallions e tem queijo Jarlsberg? Não tem porque adiar a confecção de um delicioso quiche Lorraine. E ficou muito bom, viu? Comemos até a última lasca, requentada no dia seguinte.
Usei uma massa pronta para torta, dessas congeladas, feita com farinha de spelt. No azeite, refoguei os talos de scallions picadinhos numa panela. Juntei o presunto cortado em cubinhos e refoguei por uns minutos. Numa vasilha bati os ovos, juntei o creme de leite e o queijo ralado, temperei com sal e pimenta branca moída a gosto. Juntei a mistura de ovos e queijo ao presunto refogado, misturei bem e coloquei essa mistura na massa pronta. Assei em forno a 365ºF/ 165ºC até o recheio ficar dourado, por mais ou menos 30 minutos. Sirva o quiche morno ou frio.
»scallions são um tipo de cebolinha gigante, dá pra usar a parte branca como cebola e a verde como cebolinha.
»meu presunto segue a linha filosófica de qualquer outro produto animal que eu consumo: sem quimicos, sem antibióticos, sem confinamentos cruéis. aqui nos EUA está ficando fácil achar produtos animais de boa procedência, como os do Niman Ranch. procure pela certificação de “humane raised & handled” nos rótulos.

6 thoughts on “meu quiche lorraine”

  1. Realmente na cozinha há alturas em que o melhor é mesmo improvisar com aquilo que temos e fazer as adaptações necessárias.
    Não me parece que a sua quiche tenha ficado atrás da verdadeira. Aliás, gostei muito da combinação de ingredientes. E estava lindíssima!

  2. Fer, eu adoro quiche lorraine e esse tah lindo, mas passei pra dizer que consegui fazer a torta de palmito (botei a fota no blog, porque tinha que registrar esse feito) perdi um pouco da massa, porque colava tudo nos meus dedos, espichei a bichinha no plastico mas ficou tudo grudado, credo, deve ter sido o santo expedito que ajudou a funcionar. Até meu marido, que é sempre critico com as gororobas que eu tento fazer uma vez por ano, gostou 🙂 Beijocas e bom sabadao.

  3. Adoro quiches e quase que nunca faço, que mulher estranha!?
    A sua está muito apetitosa!!!!
    Fer preciso da sua ajuda novamente, pelo que é que posso substituir purpose flour. Em Portugal ,
    não encontro.
    beijinhos

  4. Gosto bastante de quiches mas confesso que adorei esses teus talheres 🙂
    O efeito da massa ficou lindo!
    Infelizmente nem todos temos acesso a produtos biológicos e quando temos eles custam os olhos da cara. Oxalá tudo mude em breve!

Deixe a sua pitada: