Prevention of Farm Animal Cruelty Act

prop2.jpg Foto DAQUI Duas grandes surpresas no resultado da votação das propostas de lei aqui pra Califórnia—a absurda aprovação da proposta oito, que remove o direito de casamento para os gays e a vitória da proposta dois, que vai prevenir crueldade em fazendas de animais. Eu fiquei chateada pela proposta oito, pois acredito que todos os seres humanos devem ter os mesmos direitos e beneficios legais. Mas a aprovação da proposta dois era MUITO mais importante pra mim, pois ela vai mudar todo o sistema atual, impondo e reinforçando uma infra-estrutura mais humanitária nas fazendas criadoras de animais. Essa lei vai proibir o confinamento cruel, onde o animal não pode se mover, levantar ou se esticar. Só de pensar que esses bichos vivem suas breves e dolorosas vidas sem um direito primordial para qualquer ser vivo, que é o de poder se mover, meu coração dói de tanta tristeza. Fiquei imensamente feliz com a vitória nas urnas da proposta dois, que agora vai virar lei e possivelmente inspire e pressione outros estados a fazer o mesmo!

14 thoughts on “Prevention of Farm Animal Cruelty Act”

  1. Fer:
    Bom, se pra haver casamento gay (e pensar que isso quer dizer feliz), precisa de lei, é aí que vemos que ainda somos mesmo caretas e retrógrados, ainda mais quando uma lei dessa não é aprovada !!!!
    “Apesar de termos feito tudo que fizemos…ainda somos os mesmos…” Lembra da música ???

  2. eu li num blog de um mala que era um horror ter votado contra o casamento gay e a favor de dar gaiolinhas maiores pros animais…como se uma coisa excluisse a outra, o povo nao se dah conta que comer animal com hormônio e engaiolado faz mal. Fer to aqui morando nos States, perto da futura casa do Obama. Fechei e reabri o bloguinho, mas continua com senha, te mandei mas nao sei se tu acessa. Beijocas.

  3. ôba! Ainda há esperança nesse mundo!!!
    Fiquei muito feliz com a notícia, muito mesmo. Aos poucos a gente chega lá!
    Agora isso da proposta 8 é um passo pra frente e dois pra trás…beijos

  4. Fer!!!!! Você fez meu dia!!! Estou quase com lágrimas nos olhos em saber que essa lei passou, e que pelo menos aí as coisas estão mudando! O mundo tem jeito!!!! Agora, nem sabia que dava para revogar a lei do casamento gay! Que absurdo!!!! E a galera que tava toda feliz, casada e contente??? Anula tudo??? Como os seres humanos podem ser tão evoluídos num ponto e tãp retrógradas em outro?? Bizarro…
    Beijão!

  5. Fernanda, eu soube da proposta 2 no programa da Oprah e achei bem interessante. Sou muito carnívora mas acho que nada impede que animais sejam criados de maneira mais humanizada.
    No programa discutia-se muito sobre o impacto financeiro no preço dos alimentos. Os fazendeiros que criam os animais de maneira tradicional alegam que eles terão um gasto muito grande para fazer as adaptações necessárias, e que eles criarão menos animais, por causa do espaço necessário.
    Eu acredito que realmente os preços irão aumentar, mas acho também que será uma hora oportuna para se discutir a quantidade de alimento que a humanidade ingere atualmente. O desperdício é enorme!!
    Aqui no BR não se encontra com facilidade alimentos orgânicos ou animais criados mais livrementes. Onde moro (zona norte), os comerciantes ainda não apostaram neste tipo de produto, e nem sempre fica fácil pra mim ir até a zona sul, onde a oferta é maior, para comprá-los, mas com certeza eu seria uma consumidora destes alimentos, mesmo pagando um preço maior.
    BJS

  6. Ola Fernanda:
    Isto sò comprova que em questao de votaçao, as pessoas nao raciocinam usando o bom senso…
    Pq um que consegue ver que os animais devem ser tratados com mais respeito, e vota a favor disto, como nao consegue “vislumbrar” que, na mm linha de pensamento, todos os seres humanos tb merecem isto…!?
    Precisavam ter um minimo de coerencia, eu imagino.
    Mas nestes lugares, estas coisas me parecem nao ser um pré requisito…
    Bjs!

  7. As condições em que os animais são criados, é uma das coisas que me preocupa e me dá uma dor de alma só de pensar. Felizmente nesse sentido as coisas, mesmo que a pouco e pouco, vão avançando.
    Um beijo
    P.S. Já estava com saudades 🙂

  8. Fer, que alegria em meio a tanta porcaria (rimou) que se ve e ouve! Realmente quem sabe servira’ de exemplo para o mundo. Sou muito contente pelos bichinhos dai’, beijos,
    Maria

  9. Bando de hipocritas. Provaram que, sim, pode-se ser estupido, mas qdo a maioria eh estupida, ainda tem poder sobre a minoria inteligente. :(( Frustration.
    Por outro lado, um BIG SMILE pra prop 2..heheheh:))Happy Cows come from California.And chickens, and pigs….hehehehehe
    Dias muito intensos amiga. Happy Thursday:)) (ainda nao deu…..)
    bjs

  10. Que bacana que a proposta dois foi aprovada. Eu ja tinha dado uma fucada no link que aparece no cantinho do Chucrute para saber do que se tratava e comentei ate com o marido.
    Lamentavel sobre a oito. =(

  11. Acho arrasador a proposta 8 ter passado. Não só porque impede gays de se casarem, mas porque, no impedimento de se casar, vem o impedimento de uma série de direitos que resultam em dor e tristeza pra muitas pessoas. Aqui no Brasil, por exemplo, o impedimento à união civil não permite que cuidemos dos nossos amores nos hospitais com o status que nos é devido (se alguém da “família” de origem reivindica ser acompanhante e veta a presença de outra pessoa, a eles se dá o direito primordial). Isso entre outras histórias tristes, do tipo a “família” de origem trocar a fechadura da casa de duas pessoas quando uma morre e a outra ter que viver seu luto sem casa, ainda por cima, ou tendo que enfrentar brigas judiciais por isso.
    Mas que bom que se mostrou um pouco de compaixão pelos animais… Só é acachapante a idéia de que possa haver pessoas que conseguem se solidarizar com os animais e ao mesmo tempo fechar os olhos para os dramas de outros seres humanos.
    Sou leitora assídua do seu blog, ainda não tenho um, mas em breve terei, assim que as atividades acadêmicas me deixarem… Os posts são super bacanas, mas esse foi tão bom que me motivou a escrever. Admiro muito sua postura em relação ao consumo responsável de alimentos.

  12. Tambem fiquei muito surpreendida e decepcionada com a aprovacao da proposta 8!!! Sinceramente nao percebo o que se passou… Mas tambem muito me alegrou a aprovacao da proposta 2!!! Como voce chorei com a vitoria do Obama, e embora ainda nao seja cidada, e nao possa votar, vivi com muita intensidade estas eleicoes, e este dia que ficara para sempre na historia dos E.U.A. e do mundo.
    Jo
    P.S. Sou portuguesa e vivo em Lompoc, CA. Vim para ca a 4 anos.

  13. Eu tinha grandes esperancas que proposta oito fosse negada e a dois aprovada, e se tivesse que apostar no outcome, teria imaginado o oposto
    como voce, fico radiante pela proposta 2 – a California mais uma vez vai dar o tom e o resto do pai’s tem chances de seguir o mesmo caminho.
    nao entendo o que houve com a proposta 8 – me pegou realmente de surpresa e vai estragar a festa de muita gente pelos USA afora. Really too bad.
    R: Sally eu tenho um chute sobre a aprovação da proposta oito: a imensa população latina aqui na Califórnia, que eh EXTREMAMENTE religiosa. Por causa dos nossos nomes, recebemos alguns telefonemas da campanha a favor da P8 em espanhol ressaltando que casamento eh so entre homem e mulher, blablabla…. :-[ Too bad, indeed…

Deixe a sua pitada: