gelado de passas ao rum

rum_passas_2s.jpg

Estava olhando umas fotos de uns bolinhos no Mission Beach Cafe, em San Francisco, quando aquela luzinha acendeu—plin—sorvete de passas ao rum!
Foi uma epifania! A lembrança desse sabor que fez parte do menu gelado da minha infância, juntamente com o de flocos, me encheu de entusiasmo. Procurei por algumas receitas e acabei resolvendo improvisar a minha própria. Não tem muito segredo. Fiz tudo com um dia de antecedência.
1 xícara de passas – usei a variedade flame, orgânica
Rum o suficiente para cobrir as passas – usei rum escuro, da Republica Dominicana, resquícito da minha ex-inquilina. Deixe as passas de molho no rum por muitas horas, ou até elas absorverem quase toda a bebida e ficarem inchadas e macias.
Faça um creme com:
1 xícara de leite integral orgânico
1 gema de ovo da Felizberth
1/4 xícara de açúcar
1 colher de chá de extrato puro de baunilha
Bata bem com um batedor de arame e leve ao fogo, até ferver. Retire do fogo, deixe esfriar e leve à geladeira para gelar.
Do dia seguinte misture as passas mergulhadas no rum ao creme de baunilha e adicione 2 xícaras de creme de leite fresco. Misture bem e leve à sorveteira.
Esse sorvete satisfez plenamente o nosso paladar nostálgico!

rum_passas_roux1s.jpg

E vejam só. Estava compenetrada, tentando tirar fotos do sorvete com rapidez e eficiência, pois afinal de contas está calor e o gelado derrete fácil, quando um cabeção felino entrou no raio de visão da minha câmera. Êta bicho curioso, não pode perder nenhum buxixo, tem que xeretar em absolutamente tuuuuudooooo….

11 thoughts on “gelado de passas ao rum”

  1. Ai Fer, lembrei de quando era criança no interior de São Paulo e a Kibon lançou o sorvete de passas ao rum. Foi o meu preferido por muito tempo, junto com o de abacaxi.

  2. Fezoca, adoro esse gelado é o meu preferido…rum com passas como dizemos por aqui, um sabor muito agradável…hummm e com o bafão (como tu dizes) que se faz sentir aqui essa taça seria um presente dos Deuses!!! :0))
    Beijos

  3. Menina, vc anda arrasando nos sorvetes e fotos!!!
    Deixa o inverno passar por aqui que vou me arriscar à fazê-los.Só não sei se a receita vai dar certo sem o ovo da Felizberth…rs…
    Até lá , quem sabe eu não arrumo uma genérica Filomena :o)
    Bjo

  4. Adoro este sabor de gelado: rum e passas. Tenho pena que a sorveteira seja tão rara como uma nave espacial aqui em Angola… E trazer tudo o que quero de Portugal, acho que me obrigava mandar a encomenda por barco… ahahah
    Não fosse o processo manual mais demorado(e quanto a mim mais chatinho)e eu repetia todos os seus geladinhos! :o)
    Ah, quanto ao Roux, aprendeu a ser xereta na escola dos gatinhos. Onde o Roux, o meu Tobias e todos os outros gatinhos andaram. O xereta lá de casa “passas-se” com azeitonas e camarões. É tão cheirinhas que, não desiste enquanto não consegue provar! Bem, para a semana já lhe vou dar muitos carolos… yupi!
    Beijos a si e ao gato super star!!

  5. Que coisa mais rica este gatinho, os daqui de casa são assim também, entram dentro até das sacolas de supermercado.Detalhe :qdo as compras ainda estão dentro! 😉
    E este gelado, hummm…vou acabar comprando uma maquininha destas pra mim,
    Bjos, ótimo fim de semana,
    Monica

  6. Estou a tentar conter-me para não ir a correr para a cozinha fazer esse gelado.
    Rum e passas, que coisa boa!
    Tenho um pouco de gelado de pessego com cardamomo no congelador, vou acabar com ele já, já!
    O bichano sabe que é uma estrela e quis aparecer!
    Bj e bom fim de semana

  7. ahaha, eu também fico impressionaaaaaaaaaaaada como eles tem que colocar a fuça em tudo, tudo, tudo, tuuuuuuuudo!!! =) Coisa mais linda! Delícia de sorvete – não fiz mais nenhum, daqui a pouco a empolgação volta.

Deixe a sua pitada: