Healdsburg, CA

healdsburg_2.jpg
healdsburg_1.jpg healdsburg_4.jpg
healdsburg_3.jpg
healdsburg_5.jpg healdsburg_6.jpg
healdsburg_7a.jpg

A primeira cidadezinha que visitamos foi Healdsburg, no condado de Sonoma. Fiquei encantada com o lugar. As cidadezinhas das regiões vinicultoras aqui na Califórnia são todas umas fofuras, geralmente com uma downtown histórica, pracinha com coreto e muitas lojinhas e restaurantes bacanas. Healdsburg superou todas as outras que já visitei até hoje. É uma cidade adorável e certamente com a lista de restaurantes mais sofisticada. Ficamos como dois baratões tontos, tentando decidir onde almoçar. Eram muitas opções. Pra variar, dei uma passadinha nas lojinhas de antiguidades que eu adoro, enquanto o Uriel esperava sentado num banco na calçada, ou me seguia pela loja, reclamando de tudo. Encaroçar em loja de antiguidade abarrotada de coisinhas mil pra se olhar com marido que não gosta de fazer compras na cola, é missão impossível e destinada ao fracasso.

4 thoughts on “Healdsburg, CA”

  1. Oi Fernanda
    Entrei no seu blog por curiosidade, procurando exatamente uma receita diferente de chucrute com salsicha… Ledo engano, mas muito certo mesmo. Sua mãe é que está certa. O jeito é comprar um bom chucrute pronto e uma salsicha de classe e de raça para acompanhar. Comi muito chucrute com salsicha e com joelho de porco (Eisbein)… Em todo caso gostaria de cumprimentá-la pelo maravilhoso blog. Caprichado mesmo e com fotos espetaculares. Ainda estou ruminando tudo o que há nele. Entrei por intermédio do blog da Neide Rigo (Come-se) e já estou encontrando muitas coisas interessantes.
    Sou um amador, amante da culinária e professor de língua e literatura portuguesa de uma universidade aqui de Campinas – SP, a UNICAMP… Não sei se sou um amador na cozinha e um profissional em sala de aula, ou vice-versa… Em todo caso estou curtindo tudo do seu blog… Estou encontrando misturas muito interessantes e inusitadas com massas e legumes, grão de bico com outros ingredientes que nem imaginava que combinavam… É isso aí mesmo, eu também misturo muito e consigo alguns sabores que são apreciados… Gosto muito de fazer antepastos e conservas; massas e peixes, mas meus bacalhaus e minha feijoada é que arrasam (modesto né???)
    Já morei nos States e sei que a gente pode fazer mil e umas graças aos ingredientes que existem por aí, principalmente na Califórnia. Só que algumas de suas receitas há ingredientes que ainda não estão disponíveis por aqui ou apenas em casas muito especializadas e com preços proibitivos. É o caso do açafrão verdadeiro, dos piñoles…
    Bem, esse e-mail tem por finalidade cumprimentá-la pelo bem elaborado blog, desejando que continue assim e apenas para colocar um reparo, por enquanto no que se refere ao GRAPEFRUIT… Nada tem com a Toranja, também chamada de Pomelo. São cítricos completamente diferentes. Não sei ainda seu e-mail e depois mandarei toda uma literatura a respeito.
    Por outro lado fiquei muito estarrecido pelo seu sobrenome: Guimarães Rosa… embora você não identifique sua origem, não sei se a ascendência, a descendência ou a coincidência imperam em relação ao magistral escritos João Guimarães Rosa. É modéstia ou realmente você é parente desse baluarte do “Grande Sertão Veredas”???
    Um abração e mais uma vez, parabéns
    Antônio César

  2. Nossa Fer,eu adoro viajar, ver lojinhas…pena que não tenho tempo…adorei os últimos posts. Vou ter aula sobre a quinoa daqui um mês lá no curos. Beijão

Deixe a sua pitada: