Earl Grey tea cookies

earl_grey_cookies_s.jpg

Definitivamente, eu não sou uma cookie person, nem pra fazer, nem pra comer. Cookies não são o meu cup of tea, embora eu coma biscoitinhos que eu compro no supermercado, mas eles precisam ser simplíssimos, quase sem açúcar, sem recheio, sem cobertura. Quanto mais simples melhor.

A primeira e última vez que fiz cookies em casa foi no aniversário de cinco anos do Gabriel, que coincidiu—ano e mês, com a passagem do cometa Harley pelo céu do nosso planeta. Então o motivo da festa foi, a pedido dele, o tal cometa. O bolo foi feito por uma profissional, com cobertura branca de coco e no formato de um cometa estilizado. Dai eu fiz gelatina em forminhas de estrelas e comprei um cortador de cookies de estrela e fiz lá os tais cookies, que pelo que eu me lembro não ficaram muito apetitosos nem fizeram sucesso com os pequenos convidados. Pudera, devia ser cookies naturebas que eu gostaria de comer e achei que todos também iriam gostar. Sobrou cookies a beça!

Por isso nunca me interessei muito por essa categoria da culinária. Mas outro dia topei com uma receita que achei impressionantemente interessante. Tratava-se de cookies feitos com folhas do chá Earl Grey, que é sem dúvida um dos meus favoritos. Eu já tinha feito uma receita bem interessante com esse chá no passado, os Earl Grey pots de créme que ficaram deliciosos. Nunca mais refiz a receita do cremezinho, mas os cookies eu precisava tentar. Parecia facil e foi. Só dei uma mancada, deixando eles ficarem mais tempo do que o necessário dentro do forno. Meu cabeção na cozinha é uma coisa irritante. Mas desculpemos. Os cookies ficaram bem interessantes, apesar de um tantinho marronzinhos demais. Provei acompanhado com chá de laranja, onde mergulhei os retangulosinhos—chomp!

Earl Grey tea cookies
faz duas dúzias
1 xícara de farinha de trigo
1/4 xícara de açúcar
1/4 xícara de açúcar de confeiteiro
1 colher de sopa de folhas do chá Earl Grey
1/4 colher de chá de sal
1/2 colher de chá de baunilha
1 colher de chá de água
1/2 xícara / 113g de manteiga sem sal

Coloque todos os ingredientes secos no processador e pulse até as folhas de chá ficarem bem moídas. Acrescente a baunilha, a água e a manteiga e pulse até formar uma massa. Coloque a massa embrulhada em papel manteiga ou vegetal e ponha para gelar por pelo menos 30 minutos. Essa massa pode ser congelada.

Pré-aqueça o forno em 375ºF/ 200ºC. Corte a massa em rodinhas ou retangulos, disponha numa forma com espaço suficiente para os cookies expandirem. Asse por uns 12 minutos, ou até os cookies ficarem com as bordas douradas. Preste atenção e não deixe os cookies ficarem escuros, como eu fiz! Deixe esfriar numa grade, sirva ou guarde numa lata fechada.

7 thoughts on “Earl Grey tea cookies”

  1. Oi, Fernanda! Cookies já são bem a minha área… Por isso mesmo me seguro. Eu andei apaixonada por uns cookies de mel com germen de trigo, então dei um tempo. Sabe como é, somos só dois aqui em casa…
    E eu amo chá; tenho um repertório enorme. Tomo xícaras e xícaras por dia.
    Se juntar as duas paixões, será que vira vício? 😉
    Beijo grande,
    Renata.

  2. Eu fiquei encantada com teu blog, você tem bom gosto, criatividade e escreve super bem. Muito legal tuas fotos e mais uma coisinha… que linda tuas jarras, potes, cerâmicas… quanta coisa diferente… eu sou apaixonada por essas coisas.
    Parabéns pelo blog.
    Bjos, Lú.

  3. “Não tenho tempo de desfraldar outra bandeira que não seja a da compreensão, do encontro e do entendimento entre as pessoas.” (Elis Regina, cantora), fazemos parte de um grupo muito restrito, Parabens.
    Hoje fiz questão de fazer todas as refeições com requinte, até fiz um cházinho no meio da tarde, mas não tinha biscoitinhos, no proximo ano faço-os.Já tomei nota da sua receita.
    Beijinhos
    Márcia

  4. Fiquei muito curiosa… Já ando há tempos para experimentar receitas de bolachas e bolos com chá, mas ainda não me atrevi pois acho que devem ficar ligeiramente amargos. Pelos vistos, não ficaram, pois você gostou. 🙂
    Beijão.
    Feliz Dia da Mulher!

Deixe a sua pitada: