pasta con sarde

pasta_con_sarde_s.jpg

Vi a receita neste blog e achei deveras interessante. Mesmo não sendo uma ardente fã das sardinhas, preparei o molho. Ficou gostoso.
azeite para refogar
1 bulbo de erva-doce ralado, guarde os raminhos para decorar
3 dentes de alho picados
3-4 filés de aliche-anchovas
1 lata pequena de tomate – eu uso o Muir Glen
4-5 folhas de louro
Vinho branco seco
Sumo de 1 limão
Pimenta vermelha em flocos
1/3 xícara de passas brancas
1 lata de sardinha em azeite
Espaguete cozido
Numa panela, refogue a erva-doce no azeite até ela ficar bem molinha. Acrescente o alho e refogue até ele ficar macio. Amasse bem os filés de aliche a acrescente ao refogado de erva-doce e alho. Adicione os tomates, as folhas de louro, uma dose de vinho, o sumo do limão, a pimenta e as passas. Misture bem. Adicione as sardinhas inteiras e cubra com o molho. Tampe a panela e cozinhe em fogo baixo por 30 minutos.
Cozinhe o espaguete ao dente e tempere com o molho. Enfeite com os galhinhos da erva-doce e sirva com queijo ralado, se quiser, mas não é necessário.

15 comentários sobre “pasta con sarde”

  1. Ora bem. Agora até me sinto mal! Eheheh… Como boa portuguesa, digamos que gosto de sardinhas mas, não sou fanática! :o) Será que não sou uma “boa” portuguesa? :o) Mas esta massinha, apesar de não me cativar logo a início, acho que deve ser óptima, naqueles dias em que se precisa de comer e não há nada descongelado. Sim, porque eu detesto descongelar em microondas! :o)
    Beijo

  2. Que pena que não é uma ardente fã de sardinhas. Cá em Portugal,acho que 99,9% da população (onde me incluo) adora sardinhas! Mas não se preocupe, quando estiver cá na nossa terrinha ainda não vai ser o tempo delas e pelo menos por essa provação… riso!
    beijinhos
    P.S. Essa receita é bem original!

  3. eu estava aqui vendo esta receitinha [mnhom, mnhom] e com o “rabicho” do olho enxerguei o “dia de omelete”. fui ali também porque a Nah adora ovos – omelete, frito, com casca, sem casca… Daí li o post e agora quero saber porque não se deve descascar as batatas… por que, Fer? ah, e quanto à receita, não precisa nem dizer, né? mas eu digo… parece ótima!

Deixe a sua pitada: