Pleasantville não existe

Passei a manhã fora, pondo em dia minhas consultas médicas. Quando cheguei no trabalho à tarde fui avisada por um dos meu colegas, em tom pesaroso, que talvez eu me chocasse com os acontecimentos mais recentes. O que foi, por acaso roubaram os computadores de novo? A resposta foi afirmativa. Quer dizer, desta vez roubaram só o meu computador no nosso prédio e outros trinta num prédio próximo. Pelo menos agora a polícia mexeu a bunda e tirou impressões digitais do local. Meu desk ficou uma nojeira, até a minha caneca de beber água estava cinza do pó que eles usam pra coletar as evidências. Eu não testemunhei o forrobodó e quando cheguei já tinham montado um esquema provisório com um laptop e um monitor e até o meu computador novo já tinha sido encomendado. Vou ganhar o novíssimo IMac, mas desta vez nem estou festejando, pois parece que os criminosos estão atrás mesmo é desses Macs super condensados, fáceis de carregar, sem torre e com um bom valor de mercado. Santa sacanagem! Fiquei praticamente a tarde toda arrumando zilhões de coisas que ficaram zoneadas, sem falar que dessa vez perdi trabalho de dois dias. O trabalho eu refaço, mas não consigo me conformar com a facilidade com que essa gente entra e rouba coisas numa universidade dessa magnitude. O segundo roubo em pouco mais de um mês. Somos uns iludidos. Melhor todo mundo começar a acordar, pois não vivemos em Pleasantville—local que na verdade nunca existiu.

20 comentários sobre “Pleasantville não existe”

  1. Nossa, Fer, que azar. Por acaso o seu laptop era um branquinho lindo? Que raiva que dá quando nos roubam e nos tiram coisas que construímos. Apesar de não haver lugar ideal, mas com a polícia mais equipada e preparada com certeza pegarão essa quadrilha. O problema maior do Brasil, não é a violência, mas sim a impunidade.
    Agora relaxa, e não esquenta!
    Bjs

  2. Que episódio mais desagradável!
    De novo! Putz , eles precisam por alarmes e cameras.
    E a gente pensando na calmaria que deve ser Davis…
    Bjo
    Vera do cerâmica

  3. Que coisa mais chocante! Roubaram duas vezes!
    Sinto muito por você, amiga! Beijos!
    PS: Fui ao link “pouco mais de um mês” e observei uma coisa, os seus post não têm data? Onde elas estão?

  4. Fer, não acredito!!!! Menina, que horror! Depois o povo mete a boca no Brasil…e eu que pensei que Davis era pacata, uma cidade tranquila…e logo o seu duas vezes seguidas???? Foi durante a noite??? Coloca um santinho protetor no novo computer.
    Um beijo e sorte aí!

  5. Fer, sempre abaixo a guarda quando estou por aí, mas ultimamente tenho tentado pensar diferente, depois que construíram uma prisão enorme onde eu morava aí na época de intercâmbio, comecei a ouvir as histórias sobre a mudança das famílias que acompanham os presos, o aumento de criminalidade nas pacatas cidades, onde crimes eram apenas passionais, e havia um a cada 5 anos… cheguei à mesma conclusão… este lugar não existe. Ainda acho que na costa oeste é mais tranquilo, não mexeram com vocês, só as máquinas, menos mal. Bjs!

  6. Fer, qdo lih pensei o mesmo: ca******!! Como assim, nao tem security guards, nao tem cameras, nao tem chave..nadika?? Ta certo que hoje foi a primeira vez que EU usei a chave de casa, desde que mudamos. Yep, sometimes somos naive..Mas eu tenho cao!!
    Sorry:(( E que trabalheira ter que resgatar e re-configurar tudo..hehe..faz um back up dos settings tb, se a UC te der as apps pra isso..
    Agora, Pleasantville eh tao fofinho:)) hehehe..tanto qto a palavra fofinho..hehehe
    Bjs com carinho
    Bri

Deixe a sua pitada: