minha salada grega

minhasaladagrega.jpg

Como não dava pra jantar sorvete de banana, fiz uma salada que chamei de minha salada grega. Folhas verdes, pepino, pimentão vermelho, tomate, abobrinha, berinjela grelhada, cebola roxa e queijo feta.
A cebola eu cortei em fatias finíssimas e deixei uns minutos de molho na água gelada com vinagre. Esse processo alivia um pouco o gosto ríspido da cebola crua. Poderia ter colocado umas azeitonas pretas, mas esqueci. Eu coloco azeitona em tudo, preciso mesmo dar um tempo. O tempero foi o mais básico possível: sal marinho, pimenta do reino moi’ida na hora, vinagre de vinho branco e muito azeite.

16 comentários sobre “minha salada grega”

  1. Fer, lindona sua salada, gosto de dar um choque na cebola crua para usar nas saladas: coloco uns segundos na água quente e depois na água com gelo. Ela fica crocante e muito menos forte. Beijos!

  2. Não sou muito fã de cebola crua, não conhecia essa tecnica de deixar de molho, vou testar numa próxima. A sua salada ficou de meter inveja aos Gregos. Três vivas para a cozinha mediterranica.

  3. Belissima salada!
    voce grelhou a abobrinha tambem, ou foi crua?
    Gostei da ideia de deixar a cebola em agua gelada com vinagre – vou tentar. Geralmente eu nao uso cebola crua porque fico ‘conversando’ com ela por horas e horas depois…

Deixe a sua pitada: