Waitress

Outro filme, que apesar do intenso buzz de público e crítica, eu enrolei o quanto pude para ver, pois quando assisti ao trailer tive a impressão que esse seria um caso típico de filme que o trailer seduz e engana, e com certeza iria ser chatinho pacas. Quem já não foi iludido por um trailer de filme bem montado? Eu já! Mas no trailer de Waitress o que realmente fisgou a minha atenção foi as tortas que a protagonista faz para o café onde trabalha. É através delas que a garçonete exorciza seus problemas. E eles não são poucos: infeliz e casada com um cretino, ela fica grávida sem querer ficar, e ainda se envolve num love affair com o seu ginecologista, que é casado. O filme se arrasta um pouco demais pro meu gosto e eu não consigo simpatizar cem por cento com a ex-Felicity, Keri Russell. Mas a história até que é bacaninha. A melhor cena pra mim é quando ela pega a filha no colo pela primeira vez e finalmente muda o rumo da sua vidinha amargurada e besta. As cenas em que ela faz as tortas ficam em segundo lugar no meu ranking de preferência. As tortas são fantásticas. Queria muito as receitas dos recheios e também daquela massa que ela abre tão fácil! Mas as tortas de Waitress sairam da imaginação da atriz Adrienne Shelly, que escreveu o roteiro, interpretou a garçonete Dawn, dirigiu o filme e foi brutalmente assassinada no final de 2006. Infelizmente nunca vai rolar um livro com os segredinhos, então o jeito é tentar reinventar as receitas nós mesmos.
Algumas das tortas do filme:
Pregnant Miserable Self-Pitying Loser Pie – Lumpy oatmeal with blueberries and fruitcake mashed in. Flambé.
Earl Murders Me Cause I’m Having an Affair Pie – Smashed blackberries and cherries into a chocolate crust.
I Can’t Have No Affair Because It’s Wrong and I Don’t Want Earl to Kill Me’ Pie – Vanilla custard meringue with banana.
I Dont Want Earl’s Baby Pie – Brie & ham quiche.
I Hate my Husband Earl Pie – Bittersweet chocolate and banana.
Chocolate Mouse Falling in Love Pie – Chocolate mousse pie.
Baby Screamin Its Head Off In the Middle of The Night & Ruinin My Life Pie – No crust New York style cheesecake.
Marshmallow Mermaid Pie – Marshmallow pie.

6 comentários sobre “Waitress”

  1. Oi, Fer. A melhor torta do filme pra mim é aquela que ela ‘imaginou’ sentada na parada de ônibus. Acho que ele estava meio com raiva e a torta era sóóóóó chocolate (I hate my husband Earl pie). 🙂 Também queria aprender a fazer aquelas massas tão fáceis de abrir. Aí, eu vou acreditar que, apesar do filme ser ‘independente’ e vencedor/elogiado no Sundance, a parte da massa fácil era tuuuuudo efeito especial. Hohohoho. :))) Beijão.

  2. Ai, Fer! Eu quero fazer ‘I Dont Want Earl’s Baby Pie’. Eu adooooro quiche. Ainda nao vi o filme porque eu sempre demoro pra ver esses filmes com big fuss.
    Falando em quiche, eu te contei que aquele seu quiche de salmao e prato faladissimo la em casa? Quando eu pergunto o que alguem quer comer, vem logo o quiche. Voce ja fez alguma variacao de sabor com ele? Conta pra mim, vai.

  3. Eu tenho verdadeiro terror a esse nome “Earl”. Certa vez trabalhei com um fulano medonho que transformou meu ambiente de trabalho num verdadeiro inferno astral. Imagino que o sujeito da estória não deva ser mesmo flor que se cheire.
    Obrigada pelas dicas cinematográficas, estou anotando.

Deixe a sua pitada: