pelo menos uma coisa nós não temos em comum

Li que a França vai proibir que se fume em lugares públicos a partir de 2007. Estou muito mal acostumada com as leis anti-fumo super restritas da Califórnia, onde não se pode fumar quase que em lugar nenhum. No campus da universidade, por exemplo, só se pode fumar pra fora e afastado vinte yards [18 metros] de qualquer prédio, porta ou janela. Os fumantes são realmente marginalizados. Isso pra mim é o paraíso, já que cresci e vivi uma parte da minha vida adulta dividindo carros, ônibus, elevadores, salas, restaurantes com seres baforantes – e que baforavam na sua cara sem o menor constrangimento. Pra mim, ver essas medidas serem adotadas mundialmente é como se eu estivesse me vingando pessoalmente de cada fumante sem educação que nunca pensou que eu não tinha escolhido – como ele – fumar. No ano passado em Montpellier, na França, fomos à uma pizzaria e sentamos isolados na nossa mesinha rodeados por mesas ocupadas por pessoas fumando. E elas fumavam ANTES, DURANTE e DEPOIS da refeição. Me senti viajando no tempo, direto pros meus anos de criança e adolescente no Brasil e realmente me deu raiva. Meu pai – um ser fumante – uma vez elogiou os CINZEIROS que ele viu nos ELEVADORES em Portugal. Eu me imaginei num pesadelo presa num deles, com alguém fumegando, fumegando… Felizmente aqui nem se acha mais cinzeiros pra comprar!

7 thoughts on “pelo menos uma coisa nós não temos em comum”

  1. Pois é, aqui em Porto Alegre foi aprovada uma lei que proíbe fumar em recintos fechados públicos – proibição total, sem “fumódromos”. Como faço shows em alguns desses locais, imaginei que entraria no paraíso, pois é dureza cantar em meio à fumaceira… a gente tosse, fica com a garganta seca, um horror! Mas infelizmente não só o público em geral, como também os donos desses locais, estão protestando contra a nova lei. O negócio não tá vingando por aqui. Tem gente querendo abrir bar só pra fumantes… dá pra acreditar?!

  2. Fer, este post eu tenho que comentar, pois realmente aqui em Portugal só agora o governo começou a falar nesse assunto, mas até sair a lei ainda vamos ter que aguentar a falta de civismo de alguns fumadores, posso dar um de muitos exemplos, como estar na estação dos barcos à espera de entrar, as pessoas bem juntinhas e haver 3 ou 4 seres fumadores a fumar entre toda essa gente, imagine as pessoas que estão ali juntinho a eles, ter que fumar sem querer é demais!!!
    Espero que em breve haja uma mudança.
    Beijos

  3. Fer, também odeio cigarro… Mas entendo um pouco a cabeça dos “viciados”. Para algumas pessoas, é difícil mesmo largar.
    Minha mãe fumava muito, inclusive enquanto fazia quimioterapia. Eu era muito pequena, mas aquilo me revoltava – ela não tinha nenhum cabelo na cabeça mas não abandonava o fumo. Eu e meu irmão jogávamos os maços dela embaixo da geladeira (e depois levávamos uns sapecos por isso).
    Meu pai parou há + de 20 anos, graças a Deus.
    Sábado passado, um amigo muito querido trouxe a namorada nova aqui. Ela fuma. Dissemos a ela que na nossa casa NINGUÉM fuma (nem meus cunhados). Ela quis fumar, então a colocamos na varanda do apto e trancamos a porta de vidro. Detalhe: estava 14ºC e ventando muito.
    Valeu a pena: de 5 a 6 cigarros que ela costuma fumar naquele espaço de tempo, ela fumou apenas 2.
    Sou cruel com os fumantes!! 😀

  4. Fer, vc deve mesmo viver no paraíso dos não fumantes.Aqui no Brasil, tb já não se pode fumar na maioria dos lugares, mas sempre tem um mal educado que não respeita nem crianças. Minha filha, de 12 anos, ficou chocada qdo eu contei que antes se fumava nos elevadores, ônibus e outros locais fechados. Essa nova geração tem mais sorte do que nós. Beijos.

  5. Eu é que sofro com esta fumaçao, nao da nem vontade de ir num restaurantezinho pequenininho, como é a maioria aqui, bem pequenininho, lindo, charmoso, comida otima, e o vizinho colado a vc fuma e mesmo se tem do lado !!! E as mesas separadas para fumantes aqui sao sempre as melhores, e fica colado nos nao fumantes…Que esta lei entre em vigor logo !

  6. Fe, realmente o frances fuma em excesso na minha opiniao. Graças a Deus aqui na Inglaterra as medidas ja começaram um pouco antes e apesar de nao serem ideias já dá pra aliviar. E que este movimento continue indo de vento em popa.

  7. Na verdade, estou metendo a colher, mas não é no artigo, é no blog mesmo, desculpa…é o seguinte, adoro as fotos , os artigos e isso tudo, acho tão bonitinho…mas quase preciso de uma lupa para conseguir ler as letrinhas tão pequenas…não sei o que fazer para visualizar melhor…me ajuda…obrigadinha…bjss e parabéns pelo lindo blog…

Deixe a sua pitada: