pra fazer pipoca

milhodepipoca.JPG

Os treats que vem na minha cesta orgânica, ora são vários tipos de feijões, tomates secos, ramalhetes de flores e às vezes chegam as pipocas de milho amarelo ou roxo. Normalmente o milho já vem debulhado, outras vezes vem assim, na espiga. Dói o dedo para debulhar – não tenho a técnica – mas dá uma sensação boa, por poder participar de uma das etapas. E a pipoca, sem brincadeira, é uma das melhores, crocante e saborosa, feita em qualquer panela, com um pouquinho de óleo de canola ou manteiga. Eu devoro um tantão sozinha, sem culpa!

8 comentários sobre “pra fazer pipoca”

  1. Quer comer pipoca com menos culpa ainda?Sem óleo.
    Num saco de papel(desses de pão)Aqui,no Brasil
    vi na Tv ,põe 1 xíc. de milho num saco de pão dobra bem a ponta fechando e põe no microondas, apertão o botão de pipoca e pronto,logo voce terá um imenso saco de pipocas que só pede uma ou duas colheres de sal,sacode o saco e come COM MENOS CULPA ainda!

  2. Aiiii, vc e suas pipocas!
    Já fiquei com as lombrigas assanhadas com aquelas pipocas gigantes que vc postou faz algumas semanas atrás. Agora estas????
    Imagino a gostosura que deve ser!

  3. Uma técnica para debulhar uma espiga de milho:
    1- Segure forte a espiga com as duas mãos (a mesma posição para torcer roupa).
    2- Gire as mãos em sentidos opostos.
    Pronto.
    É um exercício fácil e ajuda a acabar com o estresse.

Deixe a sua pitada: