arroz amarillo

Fiquei encantada com muitas das receitas do livro Recipe of Memory, do americano, descendente de mexicanos Victor M. Valle. Muitas receitas são trabalhosas ou levam ingredientes típicos, como nepales [cacto], tomatillos, queijo cotija ou panela, lingüiça longaniza e muitas, mas muitas mesmo, variedades de pimentas. Escolhi uma receita simples e doce, com ingredientes que podem ser comprados em qualquer lugar do mundo. Sem falar na beleza do prato, com sua cor amarelada.
1/3 xícara de arroz jasmine tailandês ou qualquer outra variedade de grão longo
1 xícara de açúcar
6 xícaras de leite integral
3 gemas de ovos grandes
2 paus de canela
4 folhas frescas de laranja ou 1 colher de chá de essência de laranja
1 laranja descascada e cortada em fatias para decorar
Bata o arroz no liquidificador e moa bem fininho.
Misture o arroz moído com o leite, açúcar e as gemas numa panela grande.
Misture bem com um batedor de ovos. Adicione os paus de canela e as folhas de laranja e cozinhe em fogo baixo, mexendo sempre com um batedor por 25 a 30 minutos, para prevenir que o arroz grude. Retire a canela e as folhas de laranja. Coloque numa vasilha ou em taças individuais e deixe esfrirar. Polvilhe com canela em pó e decore com as fatias de laranja.
»esta receita de arroz doce mexicano também está na minha coluna desta semana na Revista Paradoxo.

3 comentários sobre “arroz amarillo”

  1. Ah, ja ia te contar que minha mae fez a outra receita de arroz doce que voce deu, ficou otimo. Agora vou ter que fazer essa tambem porque to viciada em arroz doce. Bate o arroz depois de cozido, ne?

  2. Fer, posso te chamar assim???
    Adorei a coluna sobre o arroz amarillo…não sabia que vc tinha um coluna naquela revista…então seu trabalho é sobre gastronomia?
    Fiquei com vontade de tomar um café com bolo na sua cozinha.
    E curiosa para ler e ter os livros de receitas… como disse uma colega sua blogger, a Lara do Depósito Damasco: “Sou uma CCR, colecionadora compulsiva de receitas!”.
    Beijo.

  3. Recipe of memory é um dos meus livros de receitas preferidos. É um livro lindo … como um outro sobre as comidas da Índia ( Arqueologia culinária da Ìndia) que foi escrito pela Fernanda Moro .

Deixe a sua pitada: