um passinho pra frente, por favor

A biblioteca da cozinha ganha uma estante nova, com mais prateleiras, algumas portas e gavetas, e também mais alguns livros. Você deve estar pensando, por que essa louca sem tempo e que mal sabe cozinhar fica investindo em mais livros de culinária, que ela nunca vai usar pra fazer receitas? Bom, a resposta está na minha bio ali do lado. Cada um tem o seu hobby, sua mania. A minha é livro de culinária. Se eu conseguisse juntar novamente os livros que deixei pra trás, dos meus anos no Brasil e no Canadá, teria que comprar mais uma estante. Mas deixa pra lá, o que importa é que mais vale um gosto do que…

Já percebi que ler o livro póstumo da Julia Child, escrito pelo seu sobrinho-neto, sobre os anos em que ela e o marido Paul Child viveram na França, vai ser ser pura diversão. E My Life in France vem cheio de fotos em P&B da americana desengonçada fazendo aulas no Le Cordon Blue na década de 50. Puro prazer!
O The Amish Cook era um livro necessário. Como eu poderia viver sem saber como os Amishs que vivem hoje nos EUA cozinham? E suas receitas frugais? E suas histórias? Agora que já sei, me sinto muito mais realizada. Ufa!

O outro livro foi porque o verão está alí na esquina [uma esquina a trinta quarteirões daqui, pelo jeito], e eu tenho que estar super preparada. Então comprei Good Day for a Picnic, cheio de receitas bacanas, práticas e de idéias para picnics divertidos e inusitados. Já contei que eu amo preparar e participar de picnics, e que tenho um montão de cestas? Ih…. foge, rápido, senão você vai ter que ler outra história obsessiva.

4 thoughts on “um passinho pra frente, por favor”

  1. fer, socorro!
    nunca fui a um piquenique na vida, e um mocinho me convidou pra um (que vergonha eu deixar isso publico, mas achei melhor do que mandar um e-mail!).
    como sei que voce ama de paixao, tenho certeza de que pode me dar umas dicas boas do que levar. desde a toalha e o abridor de garrafas ate comidas que nao precisem de muito forno e fogao, ja que moro numa accommodation. se tiver um site legal, ou algum outro lugar onde eu possa pegar umas dicas, tambem vale 😉
    espero nao ter sido uma chata!
    um beijao, ju!

  2. ferzoca!
    acabei de sair de uma livraria daqui com dois ISBNs para colocar na minha lista de desejos de livros de culinaria. tambem sofro da mesma mania que voce 😉
    mes que vem to indo ao brasil passar uns dias. tou quebrando a cabeca pensando num livro bacana de culinaria – claro! – pra dar pro meu pai. ele e um super-gourmet, tem uma coluna de gastronomia no jornal, ta ficando cada ano mais dificil comprar alguma coisa pra ele. adorei a ideia do “my life in france”. voce tem o isbn da tua edicao facil ai? me passa?
    um beijo, querida. obrigada!

  3. Querida, estou imressionadíssima com esse livro
    My Life un France.
    Diga aí as referêwncias dle… sempre tem que ser uma história linda.
    quer dizer que vc tem antepassados americanso e os genes da cozinha.
    Uh là lá.
    Isto é que é can can.
    beijos
    Depois dê uma passadinha no Porão abixo do Clauido Boczon.
    Mas só se vc quiser, viu, queridinha
    Mil beijos
    Meg

  4. Oi Fê! Também sou apaixonada por livros de culinária, detalhe: eu só cozinho miojo! 😛
    As pessoas realmente tem uma postura divertida (às vezes de desdém) quando me vêem comprando os livros, a pergunta é sempre a mesma: pra quê, se você não sabe cozinhar?
    Agora vai explicar…
    Eu difinitivamente cansei, e assumi uma postura esnobe: sabe o que é? tenho muito dinheiro pra gastar… 😛
    Beijos.

Deixe a sua pitada: