pistachios

A Califórnia é um grande produtor de pistachio. Meu marido tem um projeto de colheitadeira mecânica e faz testes todo verão na maior fazenda de pistachio do estado, a Paramount Farms. Ele costumava trazer para casa os pistachios frescos, que comíamos cru e depois eu tentava processar. Não é difícil processar pistachio, mas requer um pouco de prática, que eu nunca adquiri. Primeiro voce dá uma cozida nos pistachios em água com bastante sal. Daí tem que retirar a casca mole e depois torrar no forno. Eu nunca consegui acertar o ponto exato do forno e os pistachios ficavam sempre ou pouco torrados ou muito torrados. Desisti.
Mas eu uso os pistachios torrados que compro no supermercado em uma receita ótima que aprendi a fazer anos atrás: pesto de pistachios. Fica uma delícia e ajuda a gastar os maços de basil que recebo em abundância no verão. Adaptei uma receita que eu peguei de um livro de receitas italianas da década de 60.
Pesto alla Genovese
3 dentes de alho
1/4 a 2/3 de folhas frescas de basil
1/4 de queijo Romano e Parmesão ralados
1/4 de pine nuts [eu substitui por pistachios]
6 colheres de sopa de azeite de oliva
Triturar os ingredientes no food processor, o azeite vai por último. Para guardar, pãe num potinho e cobre com mais azeite. Dura muito tempo se guardado na geladeira. Misturar no macarrão cozido e salpicar com queijo ralado.

4 thoughts on “pistachios”

  1. Você já tentou botar um pouquinho de sálvia pra dar um tcham? Fica bem legal. Ou então de hortelã, que fica maravilhoso pra comer com camarõezinhos misturados ao macarrão. Aqui as lojas de produtos típicos vendem muito um pesto feito de rúcola em vez de manjericão. Não gosto de rúcola, mas muita gente que voltava à loja onde eu trabalhava sempre comprava de novo, e diziam maravilhas…

  2. Fer, o chucrute está muuuuito charmoso! Pede urgente um livro de receitas com cara de crônica, feito a Nina Horta costumava fazer da coluna dela na Folha de S.Paulo. Nem sei se faz ainda, acho que não. Mas pense com carinho, please. O paladar – e o gosto pela leitura – agradecem!

Deixe a sua pitada: